PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Cruzeiro oferece controle total do futebol para atrair Alexandre Mattos

Alexandre Mattos foi diretor de futebol do Cruzeiro de 2012 até 2014 - Bruno Ulivieri/AGIF
Alexandre Mattos foi diretor de futebol do Cruzeiro de 2012 até 2014 Imagem: Bruno Ulivieri/AGIF

Victor Martins

Colaboração para o UOL, em Belo Horizonte

23/11/2021 11h00

O Cruzeiro já pensa em 2022. Embora tenha mais uma partida pela temporada 2021, o foco da diretoria celeste já está no que fazer para tirar o clube da Série B do Campeonato Brasileiro. O primeiro passo é entregar o futebol do clube para um profissional capacitado. É exatamente isso o que foi oferecido a Alexandre Mattos: o controle total do futebol.

Caso aceite a oferta, seria de Mattos todas as definições sobre relacionadas ao futebol. A promessa feita é de interferência zero no trabalho dele. Como se diz em Minas Gerais, Alexandre Mattos receberia o Cruzeiro de porteira fechada. Saídas e chegadas passariam pelo crivo do dirigente. Inclusive a permanência do técnico Vanderlei Luxemburgo. De acordo com o apresentador Heverton Guimarães, da Band Minas, Mattos não teria problema em trabalhar com o atual técnico do Cruzeiro.

Mas a situação não é tão simples. Além das exigências feitas pelo dirigente e, também, pela concorrência de outros clubes, Alexandre Mattos quer maior participação do empresário Pedro Lourenço. Dono do Supermercados BH e patrocinador do clube, o conselheiro seria responsável por dar uma sustentação financeira ao trabalho de Mattos.

Por mais que o Cruzeiro já esteja pronto para se tornar um clube-empresa, a entrada de investidores pode não ser tão rápida. Sendo assim, o clube dependeria de algum suporte financeiro até chegar o dinheiro captado no mercado.

O Cruzeiro tem pressa. A Raposa enfrenta o Náutico nesta quinta-feira, no Mineirão, pela última rodada da Série B. Portanto, a partir de sexta-feira, o assunto será apenas um: a temporada 2022. Depois de tudo o que aconteceu em 2020 e 2021, a direção cruzeirense não tem mais nenhuma margem de erro. Por isso aposta todas as fichas em Alexandre Mattos.

Futebol