PUBLICIDADE
Topo

Grêmio

Grêmio abre semana de "finais de mundial" dividido entre o campo e o STJD

Jogadores do Grêmio comemoram vitória contra a Chapecoense - Lucas Uebel/Gremio FBPA
Jogadores do Grêmio comemoram vitória contra a Chapecoense Imagem: Lucas Uebel/Gremio FBPA

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

22/11/2021 04h00

Classificação e Jogos

O vice de futebol do Grêmio, Denis Abrahão, definiu os jogos que restam ao Tricolor no Brasileiro como "finais de mundial". Na luta contra o rebaixamento, o time azul, branco e preto valoriza muito cada ponto que disputa para permanecer na elite. E nesta semana, dois jogos no calendário podem colocar a equipe mais perto de atingir o objetivo, ou tornar o cenário mais complicado. Mas não é somente em campo que as atenções estão focadas.

"Nós temos cinco finais de mundial. Vamos disputar cinco títulos mundiais e vamos jogar a morrer os cinco jogos que restam", disse o dirigente após a vitória sobre a Chapecoense, no sábado.

O primeiro dos duelos ocorre já amanhã (23). Contra o Flamengo, na Arena, o Tricolor precisa manter a boa fase que catapultou a expectativa de permanência na elite.

A fase é realmente muito boa. Com três vitórias nos últimos quatro compromissos, o time de Vagner Mancini ganhou esperança. Além disso, enfrentará um time reserva e com outro foco. Ao invés de valorizar o jogo, como o Grêmio faz, o Flamengo pensa mesmo é na final da Libertadores, marcada para dia 27.

E não será a única partida decisiva da semana. Na sexta-feira (26), o duelo com o Bahia também vale muito. O jogo é confronto direto na disputa para permanecer na primeira divisão.

E enquanto se prepara para jogos difíceis em campo, o Tricolor atua no STJD. Paralelamente a Mancini e seus auxiliares ou os jogadores, o Grêmio disputa o direito de voltar a ter seus torcedores acompanhando os jogos nos estádios. Para isso, conta com ação do departamento jurídico para reverter a proibição que ocorre desde a invasão que sucedeu o jogo contra o Palmeiras, no fim de outubro.

A exemplo dos gramados, esta semana também será fundamental para a atividade do advogados, que miram um 'termo de ajustamento de conduta' para, com um acordo, devolver aos aficionados o direito de comparecer nos estádios. O prazo para atingir o objetivo é incerto, mas a tentativa mira ser eficiente o mais rápido possível.

Grêmio