PUBLICIDADE
Topo

Eliminatórias Europeias

Inglaterra atropela Albânia com goleada no primeiro tempo e show de Kane

Harry Kane em ação na partida da Inglaterra contra a Albânia pelas Eliminatórias da Copa de 2022 - Hannah Mckay/Reuters
Harry Kane em ação na partida da Inglaterra contra a Albânia pelas Eliminatórias da Copa de 2022 Imagem: Hannah Mckay/Reuters

Colaboração para o UOL, em São Paulo

12/11/2021 18h39

Classificação e Jogos

Harry Kane deu show, e a Inglaterra atropelou a Albânia em vitória por 5 a 0, hoje, no Estádio de Wembley, pela nona rodada da fase de grupos das Eliminatórias Europeias. Com o resultado, a seleção inglesa encaminhou a classificação para a Copa do Mundo de 2022.

Com a goleada construída no primeiro tempo, a Inglaterra contou com atuação inspirada do capitão Kane, que marcou três gols — sendo um deles de voleio — e deu uma assistência. Maguire e Henderson fecharam a conta.

Com o resultado, a Inglaterra chegou a 23 pontos e se manteve na liderança do Grupo I. A seleção inglesa só não carimbou o passaporte para a Copa do Qatar com uma rodada de antecedência porque a Polônia venceu Andorra por 4 a 1 e chegou a 20 pontos. Já a Albânia permanece na terceira colocação, com 15 pontos.

A Inglaterra volta a campo na próxima segunda-feira (15), às 16h45 (horário de Brasília), para encarar a lanterna San Marino pela décima e última rodada da fase de grupos das Eliminatórias. A Albânia recebe Andorra no mesmo dia e horário.

Dois gols em oito minutos

Diante de um Wembley lotado, a Inglaterra abriu o placar logo aos nove minutos do primeiro tempo. Em cobrança de falta pela direita, James colocou na cabeça de Maguire, que mandou para o fundo da rede.

A Inglaterra aumentou o placar aos 17 minutos da etapa inicial, novamente de cabeça. Após tabela com Foden, Henderson cruzou na medida para Harry Kane finalizar livre no centro da pequena área.

Vai trocar?

Além da pressão da Inglaterra, a Albânia foi obrigada a fazer duas substituições ainda no primeiro tempo. Aos seis minutos, Keidi Bare sentiu uma lesão na perna direita, tentou seguir em campo, mas acabou substituído por Qazim Laçi.

Aos 14, Kulbulla caiu no gramado, pediu atendimento médico e deixou o gramado para a entrada de Kastriot Dermaku.

Atropelo

Sobrando em campo, a Inglaterra chegou ao terceiro gol aos 27 minutos da etapa inicial. Henderson recebeu de Harry Kane, deixou a defesa albanesa para trás e bateu cruzado para fazer seu primeiro gol nessas Eliminatórias.

Aos 33, em saída errada da Albânia, Sterling recuperou a bola e acionou Kane pela esquerda. O atacante levou a jogada até próximo a linha de fundo e fez seu segundo gol — quarto da Inglaterra — em belo chute cruzado.

No último lance da primeira etapa, Kane chegou ao seu terceiro gol no jogo. Após cobrança de escanteio de Foden, o capitão inglês mandou para o fundo da rede de voleio.

Treino inglês

Com ampla vantagem no placar, a Inglaterra diminuiu o ritmo no segundo tempo e passou a administrar a partida. Apesar de oferecer mais campo para a Albânia, o sistema defensivo inglês foi pouco exigido.
O técnico Gareth Southgate aproveitou, então, para preservar Harry Kane e Phil Foden, que foram substituídos nos 18 minutos da etapa final.

Homenagem e "furo" a protesto

Campeão do mundo pela Inglaterra em 1966, Ron Flowers foi homenageado antes de a bola rolar em Wembley. O ex-jogador morreu hoje, aos 87 anos. Foram exibidas imagens de Flowers nos telões, e uma camisa do jogador foi colocada na beira do campo.

Também foram colocadas três coroas de flores no gramado, em homenagem ao "Remembrance Day", dedicado aos combatentes que perderam a vida durante a Primeira Guerra Mundial.

Pouco depois, os jogadores da Albânia "esqueceram" do protesto contra o racismo e deram a saída de bola enquanto os ingleses e o árbitro estavam ajoelhados. Ao notarem a falha, os albaneses aderiram ao protesto.