PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Hulk elogia Galo e analisa chance de jogar por outro clube brasileiro

Hulk comemora gol do Atlético-MG contra o Fortaleza pela Copa do Brasil - Fernando Moreno/AGIF
Hulk comemora gol do Atlético-MG contra o Fortaleza pela Copa do Brasil Imagem: Fernando Moreno/AGIF

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/10/2021 12h49

Classificação e Jogos

Autor de um dos gols na goleada do Atlético-MG por 4 a 0 sobre o Fortaleza, ontem (20), no jogo de ida das semifinais da Copa do Brasil, Hulk elogiou a estrutura do clube mineiro e se disse agradecido pela maneira como tem sido recebido após 16 anos longe do futebol brasileiro.

O atacante ainda disse que não se vê jogando em outro clube no Brasil, pois entende que criou uma forte ligação com o Atlético-MG.

"É uma pergunta difícil de responder neste ponto [se voltaria à Europa]. Até porque no futebol tudo acontece muito rápido. Estou no Atlético há oito meses e parece que cheguei ontem. Temos que aproveitar ao máximo. Estou muito feliz, não posso negar. Estou satisfeito. É muito gratificante voltar ao seu país depois de 16 anos e fazer um trabalho muito bem feito em um clube que me abriu as portas, em um clube com a grandeza que o Atlético tem", disse Hulk, em entrevista ao jornal espanhol "As".

"O que posso responder é que hoje não me vejo em outro clube que não o Atlético. Você nunca sabe o que será amanhã, se eu jogarei na Europa novamente. Mas no Brasil, até pela forte ligação que criei com o Atlético e com a torcida do Atlético, não me vejo jogando por outro time aqui", continuou.

"Azar" na Libertadores

Na mesma entrevista, Hulk comentou a eliminação do Galo na Copa Libertadores da América - na semifinal, contra o Palmeiras. Na opinião do atacante, faltou sorte ao Atlético-MG para seguir no torneio continental. Apesar disso, o jogador garante que a equipe não perdeu a concentração nas outras competições que disputa: Copa do Brasil e Brasileirão - o Galo é líder com dez pontos de vantagem para o Flamengo, segundo colocado.

"Na Libertadores, brigamos pelo título, mas, por detalhes, não conseguimos o objetivo. Errei um pênalti, mas toda a equipe jogou muito bem na semifinal. Tivemos um pouco de azar e acabou que fomos eliminados, mas mantivemos a concentração nas outras competições", finalizou.

Atlético-MG