PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Santos será obrigado a utilizar quarto goleiro diferente na temporada

Jandrei deve fazer sua estreia pelo Santos em jogo decisivo - Ivan Storti/Santos FC
Jandrei deve fazer sua estreia pelo Santos em jogo decisivo Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Do UOL, em São Paulo

16/10/2021 04h00

Classificação e Jogos

Uma reclamação com a arbitragem causou a aplicação de um cartão amarelo a João Paulo na partida contra o Atlético-MG, na quarta-feira passada (13), no Mineirão, e o deixou suspenso para encarar o Sport, amanhã (17), na Arena Pernambuco, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Dessa forma, o Peixe será obrigado a colocar em campo seu quarto goleiro na temporada: Jandrei.

Contratado no fim da janela de transferências, em agosto, Jandrei estava atuando pelo Genoa, da Itália. Quando estava atuando no futebol brasileiro, fez sucesso no Athletico-PR e na Chapecoense e entrou na mira do Alvinegro depois que John, um dos atletas que já passaram como titular pela meta santista, sofreu uma lesão no joelho.

As trocas no gol santista se tornaram comuns nos últimos anos: já são seis mudanças nas últimas duas temporadas. Vanderlei iniciou 2019 como intocável até Jorge Sampaoli pedir a contratação de Éverson, por ter uma saída de bola melhor com os pés. Preterido, Vanderlei deixou o clube ao final daquele ano com destino ao Grêmio. Já Éverson foi afastado do plantel, depois de reclamar na Justiça os salários atrasados, e acabou negociado com o Atlético-MG.

Após Everson deixar a Vila Belmiro, o gol santista ficou dividido entre João Paulo e John. Até que Cuca, o técnico que levou o Peixe ao vice-campeonato da Libertadores em 2020, optou pela escalação de John na derrota na final para o Palmeiras.

No início da atual temporada, com o técnico Ariel Holan, John era o titular no Campeonato Paulista, enquanto João Paulo foi o preferido na Libertadores. A maratona de jogos ainda abriu espaço para Vladimir, que já deixou o clube rumo ao Avaí, atuar algumas vezes no Estadual.

Sob a gestão de Fernando Diniz, John retomou a titularidade, mas se machucou durante a vitória sobre o São Paulo, na Vila Belmiro, e viu João Paulo se reafirmar no posto. Com grandes atuações, especialmente no mata-mata contra o Independiente-ARG na Copa Sul-Americana, ele ganhou de vez a confiança da comissão técnica e dos torcedores para assumir a camisa de titular.

O goleiro santista entrou em campo na 26ª rodada pendurado por ter sido advertido na vitória por 2 a 0 contra o Atlético-MG, na sétima rodada, e no revés diante do Atlético Goianiense por 1 a 0, na 13ª. A terceira advertência aconteceu por uma reclamação após o Paulo Roberto Alves Júnior marcar o primeiro pênalti para o Atlético-MG na derrota santista por 3 a 1. Como John, seu reserva imediato, ainda de se recupera de cirurgia de menisco no joelho, Jandrei está programado para fazer sua estreia.

"Toda estreia gera uma ansiedade. Mas eu estava trabalhando forte para estar pronto quando esse momento chegasse. O ambiente dos goleiros tem que ser sempre de união. A gente sabe que só um joga e é difícil trocar. Então temos que sempre puxar o outro para cima, para que assim todos nós cresçamos juntos. Hoje o João é o titular, mas nós sempre nos ajudamos", comentou Jandrei em entrevista ao site oficial do Santos.

Sobre a dificuldade do jogo contra o Sport, que se trata de um confronto direto para escapar das últimas colocações, Jandrei também não se vê intimidado. "É bom demais fazer estreia em jogo grande. Vai ser uma final, uma partida de seis pontos. Temos que entrar com tudo desde o início para sair de lá com essa vitória, assim nos distanciamos um pouco da zona de rebaixamento e podemos começar a buscar coisas maiores dentro da competição", ressaltou.

Com 28 pontos, o Santos começa a rodada como primeiro time fora da zona de rebaixamento. Para se manter fora do grupo dos últimos quatro colocados, só uma vitória interessa. Se empatar, terá de torcer para que Juventude ou Bahia percam seus jogos. Já o Sport tem dois pontos a menos que o Peixe e ultrapassaria o rival com uma vitória simples.

Futebol