PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Leicester amassa Manchester United em dia de Cristiano Ronaldo apagado

Com boa atuação, Leicester deu fim à sequência invicta do United fora de casa - Alex Pantling/Getty Images
Com boa atuação, Leicester deu fim à sequência invicta do United fora de casa Imagem: Alex Pantling/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

16/10/2021 12h59

Classificação e Jogos

Em uma partida para lá de movimentada, o Leicester virou contra o Manchester United e goleou os Red Devils por 4 a 2. Com Cristiano Ronaldo em um dia ruim, as Raposas voltaram a triunfar após quatro tropeços diante um adversário que chega a sua terceira partida sem vitória. Com o resultado, os anfitriões vão aos 11 pontos, enquanto Solskjaer segue pressionado e vê seu time permanecer com 14, a quatro pontos do líder Liverpool. Outro detalhe é que o Leicester deu fim à sequência de 29 jogos do United sem perder fora de casa, a maior da Premier League.

O United abriu o placar aos 18 minutos em um chutaço de Greenwood de fora da área. Aos 30, Tielemans, também com um golaço, botou com curva na entrada da área e encobriu De Gea para empatar o jogo. Em um segundo tempo elétrico, Söyüncü, virou aos 32 minutos, Rashford empatou aos 36, Vardy recolocou os donos da casa na frente no minuto seguinte e Daka sacramentou a vitória aos 45.

Quem foi bem: Tielemans conduz o Leicester

Não foi só o golaço no primeiro tempo. Tielemans fez ótima partida desde o início, quando o cenário ainda estava complicado para o Leicester. Bem defensivamente, o meio-campista ainda foi o principal articulador nos lances ofensivos da equipe.

Quem foi mal: Maguire falha em retorno

A escalação de Maguire não era tão esperada, mas o zagueiro se recuperou a tempo e foi para o jogo. Apesar da volta, ele deu mole perto da área e foi desarmado por Iheanacho, que serviu Tielemans para empatar o jogo. Lembrando que a zaga do United já estava desfalcada de Varane, que se lesionou atuando pela seleção francesa.

CR7 tímido durante toda a partida

Ao contrário das suas atuações na data Fifa, Cristiano Ronaldo voltou sumido em campo. Escalado na posição de centroavante, o craque caiu pela esquerda para tentar participar mais do jogo, mas pouco fez. Nas raras vezes que teve a bola, o camisa 7 não conseguiu fazer muito mais que um chute a gol e outro bloqueado, além de uma finalização furada. Na etapa final, pouco mudou e o atacante seguiu bastante apagado.

Leicester conta com Vardy para garantir a vitória

Os donos da casa começaram o jogo com maior presença no campo de ataque, mas pecando na pontaria e com algumas dificuldades na criação. O astral do time e da torcida diminuiu com o gol de Greenwood, mas o empate veio como recompensa de uma pressão na saída de bola que terminou no golaço certeiro de Tielemans. Gol que recolocou o Leicester na partida, equilibrou e deixou o confronto mais movimentado. Na etapa final, a partida seguiu lá e cá. Ainda contando com algumas falhas defensivas do United, o Leicester parou em De Gea por pelo menos duas vezes. Na terceira, Söyüncü pegou a sobra dentro da área e fuzilou para virar. E quando a torcida ainda amargava o empate de Rashford, Vardy apareceu no minuto seguinte mostrando o que se espera dele. Apagado até então, o artilheiro pegou em cheio na bola e não deu chances para De Gea. No final, ainda deu tempo de Daka marcar mais um e fechar a conta. 4 a 2.

United falha e deixa adversário gostar do jogo

O United começou a partida sem pressionar tanto, permitindo que os anfitriões ficassem com a bola. Aos poucos, a equipe dominou mais ações e passou a ser superior, abrindo o placar e criando outras boas oportunidades. Na etapa final o time voltou melhor, criou boas chances, mas viu o Leicester virar o jogo. Rashford deu o suspiro que Solskjaer desejava rapidamente após sua mexida, mas Vardy recolocou os anfitriões na frente e deu o banho de água fria nos Red Devils. No final, já batido, a equipe ainda levou mais um.

Cai invencibilidade do United como visitante

A derrota deu fim à enorme sequência de 29 partidas do Manchester United sem ser derrotado fora de casa, a maior na história da Premier League. A equipe sustentava essa poderosa marca há 29 partidas, desde janeiro de 2020, ainda antes do início da pandemia.

LEICESTER 4x2 MANCHESTER UNITED

Motivo: 8ª rodada da Premier League
Local: King Power Stadium, em Leicester
Data/Hora: 16/10/2021, às 11h (de Brasília)

GOLS: Greenwood, aos 18 minutos (0-1), e Tielemans, aos 30 do primeiro tempo (1-1). Söyüncü, aos 32 minutos do segundo tempo (2-1), Rashford, aos 36 (2-2), Vardy, aos 37 (3-2), e Daka, aos 45 (4-2).
Cartões amarelos: Lindelöf, Pogba (MAN)
Cartão vermelho: Não teve.

LEICESTER: Schmeichel; Amartey, Evans (Vestergaard) e Söyüncü; Soumaré, Tielemans, Ricardo Pereira, Castagne e James Maddison (Ayoze Pérez); Iheanacho (Patson Daka) e Jamie Vardy. Técnico: Brendan Rogers.

MANCHESTER UNITED: De Gea; Wan-Bissaka, Lindelöf, Maguire e Luke Shaw; Matic (McTominay), Pogba, Bruno Fernandes; Sancho (Rashford), Greenwood (Lingard) e Cristiano Ronaldo. Técnico: Solskjaer.

Futebol