PUBLICIDADE
Topo

Paris Saint-Germain

Jornais franceses citam 'vitória lenta' de PSG 'amputado de Neymar e Messi'

PSG e Angers se enfrentam pela 10ª rodada do Campeonato Francês - AFP
PSG e Angers se enfrentam pela 10ª rodada do Campeonato Francês Imagem: AFP

Do UOL, em São Paulo

15/10/2021 18h37

Classificação e Jogos

O PSG venceu o Angers por 2 a 1 na tarde de hoje, pelo Campeonato Francês, mas não empolgou. O time de Mauricio Pochettino saiu atrás no placar e contou com um gol e uma assistência de Mbappé para garantir a virada.

A atuação sem brilho repercutiu na imprensa francesa. O Paris Saint-Germain só conseguiu garantir a vitória aos 40 minutos do segundo tempo, depois de pênalti marcado em intervenção polêmica do VAR.

"Nada foi fácil para um PSG amputado de Lionel Messi e Neymar", definiu o RMC, citando a ausência da dupla de craques. "Mbappé deu a vitória ao PSG no final do encontro, em um pênalti que será muito falado, mas que permite aos parisienses consolidar a sua posição de liderança e retomar a marcha em frente após a última derrota."

"O Paris realmente merecia vencer?", questionou o jornal L'Équipe. "Depois de um começo interessante, os parisienses não mostraram absolutamente nada por uma hora."

Já o Le Parisien definiu o resultado como uma "vitória lenta" e acrescentou que "o PSG encontrou o caminho da vitória ao vencer com dificuldade o Angers".

Sem Neymar e Messi, ambos desfalques após defenderem as respectivas seleções nas Eliminatórias para a Copa do Mundo, o Paris Saint-Germain contou com Mbappé para ficar com a vitória de virada. O camisa 7 deu uma assistência para Danilo Pereira e marcou de pênalti, depois de intervenção polêmica do VAR, o gol decisivo nesta sexta-feira. Fulgini balançou a rede para o Angers.

Com o resultado, o PSG segue isolado na liderança do Campeonato Francês, com 27 pontos — nove a mais que o Lens, segundo colocado. O Angers, com 16, ocupa a quarta posição.

Na próxima rodada, o Paris Saint-Germain visita o Olympique de Marselha, enquanto o Angers encara o Saint-Étienne. Antes disso, o PSG tem compromisso diante do RB Leipzig, na terça-feira (19), pela Liga dos Campeões.

Paris Saint-Germain