PUBLICIDADE
Topo

Seleção Brasileira

Fabinho elogia Raphinha, novo titular da seleção: "Fez as melhores jogadas"

Fabinho durante treino da seleção brasileira em Manaus; ele fará o terceiro jogo seguido como titular amanhã (14) - Lucas Figueiredo/CBF
Fabinho durante treino da seleção brasileira em Manaus; ele fará o terceiro jogo seguido como titular amanhã (14) Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Gabriel Carneiro

Do UOL, em Manaus

13/10/2021 15h37

Classificação e Jogos

O atacante Raphinha foi escalado como titular da seleção brasileira no treino de ontem (12), primeiro dia dos preparativos para a partida contra o Uruguai na quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), pela 12ª rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo do Qatar. Será a estreia do jogador do Leeds, que foi convocado por Tite pela primeira vez e começou no banco de reservas os dois jogos anteriores desta janela.

Adversário no Campeonato Inglês, o volante Fabinho fez grandes elogios ao novo titular da seleção em entrevista coletiva concedida hoje (13), em Manaus. De acordo com o jogador do Liverpool, o atacante do Leeds foi responsável pelos melhores momentos do Brasil contra a Colômbia por causa de seu estilo de jogo e atitude.

"Na primeira convocação ele já entrou muito bem nos dois jogos, foi decisivo contra a Venezuela participando dos três gols e contra a Colômbia entrou bem, fez as melhores jogadas, creio, que da nossa equipe, um excelente passe para o Antony e uma ou duas boas finalizações. A característica que ele tem é muito única, de um jogador canhoto que vai para cima e pode ir para os dois lados, para dentro e para fora. Isso é muito importante para a seleção. É um cara que tem muita personalidade, vai para cima, e já provou que pode nos ajudar muito", disse Fabinho.

Raphinha - Lucas Figueiredo/CBF - Lucas Figueiredo/CBF
Raphinha tenta jogada diante de marcação tripla da Colômbia em jogo do Brasil nas Eliminatórias
Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

O jogador do Liverpool também relembrou que o nome de Fabinho foi associado ao seu time na última janela de transferências, numa possível saída do Leeds: "Desde que ele chegou na Premier League tem tido desempenho e destaques muito bons. Saíram conversas que ele poderia ir para o Liverpool, eu até esperava que isso acontecesse (risos), mas no final ele ficou no Leeds. É o melhor jogador do Leeds hoje. Sempre que vamos jogar contra eles sabemos que é o jogador que pode causar mais perigo."

Em defesa da seleção

Fabinho foi questionado em sua entrevista coletiva sobre o desempenho da seleção brasileira nos últimos jogos: vitória por 3 a 1 sobre a Venezuela depois de ir para o intervalo perdendo e empate em 0 a 0 contra a Colômbia. O volante defendeu o trabalho realizado por Tite e jogadores.

"Às vezes para nós jogadores temos uma visão diferente do que vocês [repórteres] têm. Do jogo contra a Colômbia da minha perspectiva a equipe jogou bem principalmente no primeiro tempo, criamos mais e encontramos espaços. Não conseguimos fazer o gol e depois eles voltaram mais fortes e confiantes, mas defensivamente estivemos bem. Não é fácil jogar em Barranquilla. Queríamos a vitória, mas o empate não é ruim. Somos a seleção brasileira, queremos jogar bem, vencer e convencer. Os números são muito bons. À parte o empate contra a Colômbia só tivemos vitórias", afirmou o camisa 5.

Fabinho tem sido titular da seleção brasileira pela ausência de Casemiro, cortado por um problema médico. Ele comemora a sequência de jogos no time: "É algo novo para mim na seleção ter uma sequência de jogos, podendo ser três jogos contra o Uruguai. Isso é muito importante para mim, eu sempre trabalho para estar disponível para a seleção e desta vez fui escolhido como primeira opção. Fico feliz, vou sempre procurar ajudar e evoluir, jogar cada vez mais da maneira como a seleção precisa. Foram dois jogos difíceis fora de casa e agora vamos jogar com o apoio da nossa torcida num jogo difícil. Individualmente vou continuar dando meu melhor para ajudar a seleção."

Imagens do treino desta terça-feira (12) da seleção brasileira, em Manaus

Seleção Brasileira