PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Flamengo manda emissário ao Uruguai por logística da final na Libertadores

Foto do Estádio Centenário, em Montevidéu, tirada com drobe em junho de 2021 - Nicolás Celaya/Xinhua
Foto do Estádio Centenário, em Montevidéu, tirada com drobe em junho de 2021 Imagem: Nicolás Celaya/Xinhua

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

07/10/2021 15h12

Classificação e Jogos

De olho no tricampeonato da Libertadores, o Flamengo trabalha para arrumar os mínimos detalhes fora do campo e enviou um emissário a Montevidéu (URU), local da decisão diante do Palmeiras, em 27 de novembro, no estádio Centenário.

O supervisor Gabriel Skinner embarcou hoje (7) para a capital uruguaia e tem uma série de encontros para ajustar os ponteiros para que os rubro-negros cheguem ao local com todo o plano de ação traçado.

Skinner vai se encontrar com a cúpula da Conmebol, que irá apresentar a ele todo o plano de logística traçado pela entidade que comanda o futebol sul-americano para o evento.

Uma visita ao hotel está na agenda e a ideia é conhecer as acomodações disponíveis para saber quais adaptações na estrutura serão necessárias para atender o Fla. Além disso, as área de circulação da delegação também serão avaliadas.

O rubro-negro vai também ao estádio Campeón del Siglo, campo do Peñarol, local designado para abrigar as atividades rubro-negras. O Flamengo quer saber se tem toda a estrutura de preparação física disponível ou se precisará embarcar equipamentos do Rio de Janeiro. As acomodações e local de treino são designados pela Conmebol, não cabendo ao clube mudar nada neste sentido.

Skinner vai também ao aeroporto de Montevidéu para ver todas as rotas de embarque e desembarque para que o elenco possa circular em segurança na chegada e na saída.

O mesmo procedimento foi usado pelo Flamengo na decisão da Libertadores-2019 e no Mundial de Clubes do mesmo ano. A rotina foi bem avaliada na Gávea e a ideia é que os cuidados fora das quatro linhas façam a diferença.

Flamengo