PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Vargas se desculpa após eliminação do Atlético-MG e crê em volta por cima

Eduardo Vargas comemora gol do Atlético-MG contra o Palmeiras pela Libertadores - Douglas Magno - Pool/Getty Images
Eduardo Vargas comemora gol do Atlético-MG contra o Palmeiras pela Libertadores Imagem: Douglas Magno - Pool/Getty Images

Henrique André

Do UOL, em Belo Horizonte

29/09/2021 15h06

Classificação e Jogos

Um dos poucos jogadores do Atlético-MG a usarem as redes sociais após a queda na Libertadores, após o empate em 1 a 1 com o Palmeiras, o atacante Eduardo Vargas pediu desculpas a familiares, amigos e torcedores pela não classificação para a decisão do torneio de clubes mais importante da América do Sul.

Apesar de ter sido autor do gol atleticano na partida, marcado aos 7 minutos do segundo tempo —o que, naquele momento, dava a vaga aos mineiros—, o chileno teve chance clara de ampliar o marcador, mas acabou desperdiçando. No primeiro tempo, ele já havia tomado decisões erradas em dois contra-ataques que poderiam resultar em gol.

"Primeiro peço desculpas a minha família, amigos e a toda torcida do Galo. Mas no trabalho, assim como na vida, os desafios e as dificuldades não devem e não podem ser encarados como obstáculos, mas sim, como oportunidades de superação. Acredito em nosso grupo e continuaremos lutando até o fim", postou no Instagram.

Contratado no ano passado, a pedido do técnico argentino Jorge Sampaoli, o chileno de 31 anos ainda não caiu nas graças do torcedor atleticano. Em 47 jogos feitos pelo Alvinegro, ele marcou 11 gols.

Bastante respeitado na seleção nacional e uma das principais peças de La Roja, Vargas foi convocado pelo técnico Martín Lasarte para os três próximos desafios nas Eliminatórias da Copa de 2022, contra Peru, Venezuela e Paraguai. Os confrontos acontecem em 7, 10 e 14 de outubro, respectivamente. O Chile ocupa a 8ª posição na tabela, fora da zona de classificação.

Atlético-MG