PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Drogas, festas e luxo: ex conta como foi namorar Maradona aos 16 anos

Mavys Álvarez namorou Maradona quando tinha 16 anos e falou sobre o relacionamento - Reprodução/América Tevé
Mavys Álvarez namorou Maradona quando tinha 16 anos e falou sobre o relacionamento Imagem: Reprodução/América Tevé

Do UOL, em São Paulo

28/09/2021 14h51

A cubana Mavys Álvarez, que foi namorada de Diego Maradona quando tinha 16 anos, em 2000, deu detalhes sobre o relacionamento com o ex-jogador argentino.

"Minha mãe não aceitou nada bem. Nem meu pai. Mas, nessa idade, a pessoa costuma ser muito rebelde e não leva em conta os critérios dos pais. A vida com Maradona era muito louca: festas, boates. Ele me levava para comer. Nunca imaginei que mais tarde iria entrar nas drogas das quais me custou tanto trabalho para sair", disse a mulher à emissora América Tevé, dos Estados Unidos.

"Depois de todos esses anos, sinto pena de mim mesma sabendo que tinha 16 anos e fiz parte disso tudo. Mas foi mais uma experiência que tive na vida. Não escolhemos o que temos para viver. Eu simplesmente me empolguei."

Mavys contou que foi abordada na rua por um homem que a convenceu a conhecer Maradona, que, segundo o homem, estava em depressão e precisava de alguém para conversar. O ex-atleta conheceu a jovem e convidou a família dela para jantar no hotel onde estava hospedado em Cuba.

Maradona foi ao país para tratar o vício em drogas e acabou se relacionando com Mavys. Ele tentou conquistá-la com luxos então proibidos aos cubanos, como ir a boates.

"Eu era uma criança. Não tinha maldade nenhuma. Ele era um estrangeiro, um homem rico e havia me notado. Eu não podia dizer 'não'. Foi um privilégio ser sua namorada", declarou Mavys.

"Eu gostei dele. Fiquei deslumbrada. Foi uma relação consensual", disse.

Esporte