PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Renato enaltece vitória do Flamengo sobre o Barcelona: 'Vantagem grande'

Renato Gaúcho, treinador do Flamengo, celebra com Bruno Henrique gol sobre o Barcelona, na Libertadores - Marcelo Cortes / Flamengo
Renato Gaúcho, treinador do Flamengo, celebra com Bruno Henrique gol sobre o Barcelona, na Libertadores Imagem: Marcelo Cortes / Flamengo

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

23/09/2021 00h36

O técnico Renato Gaúcho celebrou a vitória do Flamengo sobre o Barcelona de Guayaquil, pela semifinal da Libertadores, e enalteceu a vantagem na luta por uma vaga na decisão. O treinador rubro-negro ainda fez elogios à atuação da equipe equatoriana, que criou boas chances de gol.

O time da Gávea triunfou por 2 a 0, com dois gols de Bruno Henrique ainda no primeiro tempo. No fim da etapa inicial, Molina foi expulso, deixando o Barcelona com um a menos. Leo Pereira também recebeu o vermelho, mas já na reta final da partida.

"Isso é um fato importante. Diego [Alves] teve grande atuação hoje, dei os parabéns no vestiário. Dei o parabéns ao grupo. O Barcelona não chegou [na semifinal] sendo convidado, chegou por méritos, eliminando grandes equipes. Sabíamos que seria um jogo difícil, aberto da maneira que foi. Eles tiveram oportunidades no início do jogo, nós também. Conseguimos fazer os dois gols no primeiro tempo. Mesmo com um homem a menos, souberam sofrer no segundo tempo. Tentamos mais um gol, mas não conseguimos. Está de bom tamanho. Semifinal de libertadores é sempre muito difícil. E o 2 a 0 é uma vantagem muito grande. Muita gente acha que não, mas é. E existe o [critério de] gol fora de casa na Libertadores", disse Renato.

"Eles têm uma boa equipe, muito bem treinada, equipe com bastante força. Chegou por mérito. Abriu também, sabendo que era o primeiro jogo no Maracanã. Tiveram oportunidades, mas lá é outro jogo. Temos a vantagem, eles vão ter de sair, vão deixar espaços. Por isso que eu falo que é uma boa vantagem. Repito que o Barcelona não chegou por convite, foi primeiro na fase de grupo, olha quem estava na chave, quem eliminaram nas outras fases. É sempre muito difícil. Temos mais 90 minutos", completou.

O treinador também comentou o apoio que a torcida deu ao lateral-direito Isla. No decorrer da semana, o chileno recebeu diversas críticas em rede social, mas, hoje, foi aplaudido pelos presentes às arquibancadas:

"Ele tem todo o apoio do presidente, da diretoria, da comissão, dos jogadores, e, pode ter certeza, de quase toda a torcida do Flamengo. As redes sociais são um problema. Você recebe uma crítica e nem sabe de onde vem essa crítica, nem sabe se é torcedor mesmo do Flamengo. A melhor resposta foi a do torcedor, que está de parabéns. Ele é um jogador que se entrega, é querido pelo grupo e vem nos ajudando. A melhor resposta foi a manifestação por parte do torcedor".

Flamengo