PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Mauro: Se Fla não fizer resultado na ida, Barcelona ganhará muita moral

Colaboração para o UOL, em Santos (SP)

22/09/2021 04h00

Classificação e Jogos

Mauro Cezar acredita que o Barcelona-EQU pode ganhar muita moral para o jogo de volta caso o Flamengo "não faça o resultado" no duelo de ida, marcado para a noite de hoje (22), às 21h30 (de Brasília), pelas semifinais da Copa Libertadores. No quadro "Fala, Maurão", o colunista do UOL Esporte avalia o confronto e diz que a derrota para o Grêmio acende um sinal de alerta para o time carioca.

"O caminho rubro-negro pode ficar bem complicado para tentar mais uma final de Copa Libertadores porque o Flamengo foi muito mal contra o Grêmio no domingo. Ficaram confusas as trocas do técnico Renato Portaluppi, que depois ainda deu uma coletiva como se estivesse na 'Portaluppilândia', num universo paralelo, como se tudo tivesse corrido bem", inicia Mauro Cezar a partir dos 5min05 do vídeo acima.

"Se esse jogo pautar o comportamento da quarta-feira, vai ficar complicado. O Barcelona deverá dar a bola ao Flamengo, jogar fechado, e é um time que tem jogadores experientes e já fez bonito nessa Libertadores. Se o Flamengo não fizer o resultado na ida, o Barcelona ganhará muita moral para o jogo de volta", acrescenta Mauro, citando, por exemplo, as eliminações de Fluminense e Vélez Sarsfield.

Para Mauro Cezar, o Flamengo terá de ser "muito melhor" do que foi contra o Grêmio para aumentar as suas chances de avançar para a grande decisão.

"O que parecia, para muita gente, meio que encaminhado, não parece ser tão fácil assim, pelo menos pelo que apresentou no domingo [contra o Grêmio]. Vai ter que ser muito melhor para passar pelo Barcelona e conseguir um resultado que o coloque em condições de, na volta, assegurar a presença na decisão da Copa Libertadores. Mas o retrospecto desse fim de semana é para deixar o torcedor rubro-negro bem preocupado", completa.

Barcelona-EQU e Flamengo voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (29), no Monumental de Guayaquil, também às 21h30.

Flamengo