PUBLICIDADE
Topo

Inglês - 2021/2022

Inglês: Thiago Silva marca e Chelsea vence o Tottenham por 3 a 0

Thiago Silva comemora com companheiros de Chelsea gol contra o Tottenham no Campeonato Inglês - Reprodução/Twitter @ChelseaFC
Thiago Silva comemora com companheiros de Chelsea gol contra o Tottenham no Campeonato Inglês Imagem: Reprodução/Twitter @ChelseaFC

Colaboração para o UOL, em São Paulo

19/09/2021 14h26

Classificação e Jogos

Tottenham e Chelsea se enfrentaram hoje (19) pela quinta rodada do Campeonato Inglês e os atuais campeões da Europa levaram a melhor no clássico londrino, vencendo por 3 a 0. O zagueiro brasileiro Thiago Silva abriu o placar para os visitantes, Kanté aumentou a vantagem e Rudiger fechou a conta.

O primeiro tempo foi equilibrado e as equipes mostraram organização em campo, apesar de criarem poucas chances de gol. O Chelsea teve a melhor chance com Mason Mount, que parou em bom bloqueio de Emerson Royal. O Tottenham quase marcou com Son, que não conseguiu finalizar diante de Kepa.

Na segunda etapa, o Chelsea voltou melhor e, logo aos quatro minutos, Marcos Alonso cobrou escanteio e Thiago Silva subiu para cabecear firme e marcar o primeiro do jogo. Kanté, que saiu do banco, chutou de longe e contou com um desvio na zaga para fazer o segundo aos 11 minutos. Aos 46 minutos, Rudiger completou cruzamento de Timo Werner e fechou o placar.

Com o resultado, o Chelsea chega a 13 pontos e assume a liderança da competição, com a mesma pontuação de Liverpool (2º) e Manchester United (3º). O Tottenham, com nove pontos, é o sétimo colocado.

Equilíbrio e poucas chances

O primeiro tempo da partida no Tottenham Hotspur Stadium foi marcado pelo equilíbrio com as defesas levando vantagem sobre os ataques durante a maior parte do tempo.

Aos 14 minutos, foi o Chelsea quem chegou com perigo pela primeira vez. Maso Mount tabelou com Lukaku, que o colocou em boas condições de finalizar, perto da marca do pênalti. O lateral brasileiro Emerson Royal travou o chute e salvou os anfitriões.

O Tottenham só respondeu aos 32 minutos, quando o meia argentino Lo Celso deu bom passe para Son na área. O goleiro Kepa saiu nos pés do atacante coreano e abafou o chute. Sem maiores emoções, as equipes foram para o vestiário sem mexer no placar.

Defensores resolvem no ataque

Toda a igualdade do primeiro tempo foi abaixo antes mesmo dos 15 minutos da etapa final, com o Chelsea dominando completamente a partida. No primeiro minuto, Alonso recebeu passe de Thiago Silva e finalizou de primeira. Lloris evitou o gol com uma grande defesa.

Se Alonso não aproveitou o presente do brasileiro, Thiago Silva não desperdiçou sua chance quando recebeu passe do espanhol. O lateral bateu escanteio na cabeça do camisa 6, que testou firme para abrir o placar aos 4 minutos.

Marcos Alonso voltou a perder uma boa chance aos 7 minutos. Ele aproveitou passe de Azpilicueta e bateu para o gol, mas viu a defesa salvar em cima da linha.

Aos 11, Kanté, que entrou no segundo tempo, aumentou a vantagem do Chelsea. O meio-campista francês arriscou de longe e contou com um desvio na defesa para enganar Lloris.

Thiago Silva quase fez outro. Novamente na dobradinha com Alonso, o brasileiro subiu em cobrança de escanteio, mas viu Lloris evitar o terceiro. O goleiro francês ainda brilhou, evitando gols de Lukaku e Timo Werner.

Aos 46, no entanto, não deu para Lloris. Timo Werner carregou pela direita e cruzou para Rudiger, que bateu de primeira e fechou o placar.

Próxima rodada

Na sequência do Campeonato Inglês, o Chelsea tem mais um grande desafio pela frente. A equipe recebe o Manchester City no próximo sábado (25), às 8h30 (de Brasília).

O Tottenham tem outro clássico em seu caminho. No próximo domingo (26), os Spurs visitam o Arsenal a partir das 12h30 (de Brasília).