PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Já desejados pelo Palmeiras, Diego Costa e Hulk unem forças no Atlético-MG

Hulk e Diego Costa marcaram gol na vitória do Atlético-MG sobre o Sport - Fernando Moreno/AGIF
Hulk e Diego Costa marcaram gol na vitória do Atlético-MG sobre o Sport Imagem: Fernando Moreno/AGIF

Henrique André

Do UOL, em Belo Horizonte

19/09/2021 04h00

Classificação e Jogos

Principais estrelas do Atlético-MG, apesar de ainda não terem tido muito tempo para atuarem juntos, os atacante Hulk e Diego Costa balançaram a rede neste sábado (18), na vitória por 3 a 0 sobre o Sport, levaram o time mineiro aos 45 pontos no Campeonato Brasileiro, e mostraram "cartão de visita" ao Palmeiras, clube com o qual já flertaram e que, na terça-feira (21), será adversário nas semifinais da Libertadores.

No caso de Hulk, autor de 21 gols pelo Galo em 2021, uma ida com a família ao Allianz Parque, na vitória do Alviverde por 3 a 1 sobre o Mirassol, no ínicio de 2020, fez com que sua contratação pelo clube paulista fosse dada por muitos como "questão de tempo". Fora do país desde 2005, quando deixou o Vitória-BA rumo ao futebol japonês, o paraíbano nunca escondeu o desejo de um dia atuar novamente no Brasil.

Contudo, sem acordo financeiro entre as partes, o namoro não passou de amizade. Tendo que enxurgar gastos e evitar inchar a folha salarial, o clube paulista encerrou as conversas e "abriu portas" para que o Atlético-MG vencesse a concorrência com portugueses e turcos pelo camisa 7. E que tacada de mestre do Galo!

Diego Costa

Sem atuar desde dezembro, quando rescindiu com o Atlético de Madri, da Espanha, Diego Costa foi outro que demonstrou desejo de retornar ao país para construir história. Palmeirense assumido, o camisa 19 também entrou na pauta do Alviverde, mas, assim como aconteceu com Hulk, a pedida foi considerada alta demais pela diretoria.

Nos bastidores também se diz que as lesões sofridas por Diego nos últimos anos também foram fundamentais para que o Palestra não fizesse força-extra para contratar o sergipano de 32 anos.

Em 14 de agosto, após ser seduzido pelo projeto do Atlético-MG, Diego Costa bateu o martelo com os mineiros e decidiu desembarcar em Minas Gerais para tentar se tornar ídolo da Massa, assim como fez por Chelsea-ING e pelo Atlético de Madri-ESP.

Na vitória de ontem sobre o Sport-PE, Costa completou quatro jogos pelo Galo e marcou seu segundo tento, sendo o primeiro em BH. O gol, inclusive, foi o 200º no clube no Mineirão, desde que o estádio foi reformado para receber a Copa do Mundo de 2014.

Confronto pela Libertadores

O primeiro confronto entre mineiros e paulistas, pelas semifinais da Copa Libertadores, está marcado para a próxima terça-feira (21), a partir das 21h30 (de Brasília), no Allianz Parque, em São Paulo. O segundo e decisivo, por sua vez, acontecerá uma semana depois, no Mineirão, em Belo Horizonte.

Atlético-MG