PUBLICIDADE
Topo

Vasco

Fernando Diniz contesta VAR em lance que anulou segundo gol do Vasco

Do UOL, no Rio de Janeiro

19/09/2021 19h26

Classificação e Jogos

O técnico Fernando Diniz saiu na bronca com a arbitragem de vídeo no empate de 1 a 1 do Vasco com o Cruzeiro. Em sua entrevista após o jogo, o comandante justificou sua irritação alegando que o gol anulado de Daniel Amorim se tratava de um lance interpretativo, e, por isso, deveria pelo menos ser revisado pelo árbitro de campo, o que não aconteceu.

"A gente fica triste com o resultado do jogo, uma semana que, pelo o que o time jogou, era pra ter feito seis pontos. Só que o futebol, como a vida, tem eventos que a gente vai tentar explicar, mas a gente vai conjecturar, levantar hipóteses, a gente não sabe por que que o juiz anulou o gol, ele nem foi checar o VAR. É um lance interpretativo, ele tem que ver se pegou na bola ou não. Tem gente que fala que não foi nada, tem gente que fala que foi falta. Ele sequer foi checar", comentou o treinador.

No lance do gol anulado, Gabriel Pec dividiu uma jogada com o zagueiro Ramon antes de avançar para o ataque e dar a assistência para Daniel Amorim. Contudo, a arbitragem de vídeo considerou que o toque foi antinatural e, por isso, a jogada foi irregular. Na transmissão da partida, a revisão do VAR não foi mostrada, o que causou uma confusão para os profissionais da TV Globo e do canal Premiere, que narraram uma vitória do Vasco no fim de jogo para só então corrigirem o placar.

Após o lance ser anulado, o Cruzeiro foi ao ataque e empatou com o zagueiro Ramon. Sobre esse lance, Diniz também questionou a marcação do escanteio que acabou gerando o gol da Raposa.

"A falta que originou o escanteio, os jogadores do Cruzeiro estavam de costas pra bola, o Leo Jabá foi tentar antecipar, pra mim um lance normal, limpo, e ele deu falta. Da falta saiu o escanteio e saiu o gol. Um gol que a gente estava com talvez o time mais alto possível no campo. Praticamente com quatro zagueiros mais o Amorim, o Andrey e a gente acabou tomando o gol", concluiu.

Vasco