PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Empresário de De Ligt admite possível saída do jogador da Juventus

Jogadores da Juventus comemoram gol de De Ligt contra a Udinese - MARCO BERTORELLO / AFP
Jogadores da Juventus comemoram gol de De Ligt contra a Udinese Imagem: MARCO BERTORELLO / AFP

Colaboração para o UOL, em Maceió (AL)

18/09/2021 18h13

Depois de Cristiano Ronaldo, Matthijs de Ligt pode ser o próximo a deixar a Juventus ainda na próxima janela de transferência da Europa, revelou seu agente, Mino Raiola, em entrevista à Cadena Rai 1, hoje (18).

Durante sua presença na rádio, Raiola deu alguns sinais de alerta para os apoiadores da Velha Senhora sobre o futuro de Ligt. O agente ítalo-holandês também revelou que outro de seus clientes pode assinar pela Juventus no próximo verão, já que o contrato de Alessio Romagnoli com o Milan está prestes a expirar no final da temporada.

Ao ser questionado se De Ligt e Romagnoli, atualmente defendendo a zaga do Milan, poderiam jogar juntos em Turim, pela Juventus, o empresário deixou tudo em aberto sobre o futuro de ambos.

"Acho que eles poderiam jogar juntos no próximo ano na Juventus, mas precisamos ter cuidado porque De Ligt também pode deixar a Juve no final da temporada", disse Mino Raiola.

Mino afirmou ainda que eles estão entre os defensores mais fortes e cobiçados da Europa e que o contrato de De Ligt com o ex-clube de CR7 vai até 2024, enquanto o de Romagnoli expira em 2022.

De Ligt foi um dos grandes alvos do Barça na temporada de 2019, quando foi contratado pela Juventus. Aos 22 anos, o holandês é considerado um dos melhores jovens defensores do mundo. Por outro lado, Romagnoli perdeu a titularidade no Milan no início deste ano, após a chegada de Fikayo Tomori.

Futebol