PUBLICIDADE
Topo

Liga dos Campeões - 2021/2022

Maior artilheiro, Cristiano Ronaldo busca três 'gols inéditos' na Champions

Português já marcou dois em sua reestreia pelo United, no sábado (11), agora parte para a competição que mais gosta - Phil Noble/Reuters
Português já marcou dois em sua reestreia pelo United, no sábado (11), agora parte para a competição que mais gosta Imagem: Phil Noble/Reuters

Arthur Sandes

Do UOL, em São Paulo

14/09/2021 04h00

Classificação e Jogos

Cristiano Ronaldo se tornou o maior artilheiro da história da Liga dos Campeões marcando gols em muitos times, mas não naqueles que vai enfrentar na fase de grupos da atual edição. De volta ao Manchester United, o craque português agora busca mais três vítimas "inéditas" na Champions: Young Boys, Villarreal e Atalanta. A sequência começa contra o time suíço, às 13h45 (de Brasília) de hoje (14).

O camisa 7 do United já enfrentou 56 clubes em jogos da Champions League e balançou as redes contra 37 deles (cerca de 66% dos adversários). São 135 gols no total, um recorde histórico na competição, mas nenhum deles contra os próximos rivais.

O adversário de hoje é o Young Boys, da Suíça, contra quem Cristiano Ronaldo só jogou uma vez na Liga dos Campeões. Foi em 2018, na última rodada da fase de grupos. A Juventus foi à Suíça já classificada para o mata-mata e acabou derrotada por 2 a 1; CR7 deu a assistência para Dybala diminuir a dez minutos do fim, mas gol, mesmo, não fez —o jogo anterior ele não havia disputado pois cumpria suspensão por expulsão.

O Manchester United ainda enfrenta Villarreal e Atalanta na fase de grupos. O time espanhol foi uma das vítimas favoritas de Cristiano Ronaldo nos tempos de Real Madrid e já sofreu 13 gols do craque, mas os times nunca se encontraram em torneios internacionais. Os quatro jogos que CR7 disputou contra o Villarreal foram ainda em sua primeira passagem pelo United, nas edições de 2005-06 e 2008-09, e nenhum deles saiu do 0 a 0.

Por fim, a Atalanta, sensação recente da Champions League mas que joga apenas a sua terceira edição e ainda não enfrentou o maior artilheiro do torneio. O histórico de CR7 contra o time italiano é de três gols em seis partidas, todos elas pela Juventus, no Italiano ou na Copa da Itália.

Tricampeão da Champions, o Manchester United tenta voltar a levantar a taça 14 anos após a última conquista, de 2007-08. Foi justamente Cristiano Ronaldo o artilheiro e melhor jogador daquela edição, sendo destaque de um time que ainda tinha Ryan Giggs, Wayne Rooney e cia. e depois eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa pela primeira vez, naquele ano.