PUBLICIDADE
Topo

Seleção Brasileira

Tite repete escalação e diz: justo em Brasil x Argentina é 'respeitar leis'

Tite durante treino da seleção brasileira no CT Joaquim Grava; próximo jogo é amanhã (9), contra o Peru - Lucas Figueiredo/CBF
Tite durante treino da seleção brasileira no CT Joaquim Grava; próximo jogo é amanhã (9), contra o Peru Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Gabriel Carneiro e Igor Siqueira

Do UOL, em Recife e Rio de Janeiro

08/09/2021 20h04

Classificação e Jogos

Tite vai repetir amanhã (9) a escalação da seleção brasileira do jogo suspenso contra a Argentina para enfrentar o Peru pela décima rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo do Qatar: Weverton; Danilo, Lucas Veríssimo, Éder Militão e Alex Sandro; Casemiro, Gérson, Everton Ribeiro e Lucas Paquetá; Neymar e Gabigol.

"É a mesma equipe que ia jogar contra a Argentina vai jogar contra o Peru", resumiu o treinador, sobre a partida na Arena de Pernambuco. Apesar do foco no próximo desafio das Eliminatórias, a suspensão do jogo que seria no último domingo foi assunto na entrevista coletiva de hoje (8).

Tite foi questionado sobre qual seria o julgamento justo na Fifa para o clássico interrompido porque agentes da Anvisa tentavam tirar do gramado quatro jogadores argentinos que violaram regras sanitárias do país. "A decisão justa é respeitar leis. É antes a saúde das pessoas. A decisão justa é que o esporte é importante, mas tem uma escala de importância em que a saúde e as leis estão acima", disse, antes de completar:

Gostaria que o jogo tivesse [acontecido], sim. Antes disso, absolutamente corretas todas as manifestações da Anvisa e do Ministério da Saúde. O futebol não está acima de leis. Tem que ser respeitado. Estamos lidando com vidas. É saúde, sim. Quando tem saúde, tem vacina, vai ter emprego, trabalho. Associada ao trabalho vai ter a dignidade. Agora vir e passar por cima de leis, isso não existe. Passar por cima de leis? Ah, não. Um pouco de respeito. Respeito a uma entidade, um país, um povo, a um clube, uma seleção. Shiu. Calma. Respeito, sim."

O técnico da seleção também respondeu sobre a dimensão que esses problemas extracampo podem ganhar no dia a dia da caminhada da seleção nas Eliminatórias.

"Nosso enfoque agora é ter e dar aos atletas treinamentos e funções parecidas ao que eles exercem nos clubes para que eles possam produzir na seleção. É ter nos enfrentamentos melhorar sua capacidade criativa e ofensiva. É manter nossa solidez defensiva. E manter as vitórias e o bom desempenho, que é o que tem nos levado a essa pontuação. Inclusive dando mais tranquilidade para os jovens em função dessa pontuação também. Bruno Guimarães, Vinicius Jr... Tu tem a sustentação de lançar esses garotos. Vamos olhar esses aspectos positivos e não ficar chorando ou se lastimando em função das adversidades [jogo suspenso de domingo]."

A seleção brasileira tem 100% de aproveitamento em sete rodadas das Eliminatórias da Copa do Mundo.

Seleção Brasileira