PUBLICIDADE
Topo

Eliminatórias Europeias

Portugal vence Azerbaijão e assume liderança do Grupo A das Eliminatórias

Jogadores de Portugal comemoram gol contra o Azerbaijão - Tofik BABAYEV / AFP
Jogadores de Portugal comemoram gol contra o Azerbaijão Imagem: Tofik BABAYEV / AFP

Colaboração para o UOL, em São Paulo

07/09/2021 14h49

Classificação e Jogos

Na tarde de hoje, Portugal venceu o Azerbaijão por 3 a 0, pela sexta rodada das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo do Catar. Bernardo Silva, André Silva e Diogo Jota marcaram os gols da vitória dos portugueses.

Portugal não contou com a presença de Cristiano Ronaldo na partida desta terça-feira, 07. O camisa 7, que se tornou o maior artilheiro de seleções da história na vitória por 2 a 1 contra a Irlanda, foi liberado pela Federação Portuguesa após ter sido suspenso por conta do número de cartões amarelos.

Com esse resultado, a seleção portuguesa assumiu a liderança do Grupo A das Eliminatórias, com 13 pontos, mas aguarda o confronto entre Irlanda do Norte e Sérvia - que acontece hoje às 15h45 (de Brasília). Já o Azerbaijão ocupa a última colocação da chave, somando quatro derrotas.

Portugal volta a campo somente na próxima Data-Fifa, no dia 12 de outubro, contra Luxemburgo. Já o Azerbaijão enfrenta a Irlanda do Norte, no dia 9 de outubro.

Superioridade portuguesa

Muito superior em campo, Portugal anulou o Azerbaijão. Durante o primeiro tempo inteiro da partida, os azeris chutaram apenas uma vez ao gol. Impondo seu jogo, aos 25 minutos, Bruno Fernandes fez um levantamento para Bernardo Silva, que bateu quase sem ângulo, fazendo belo gol para abrir o placar.

Logo depois, Diogo Jota ajeitou para André Silva, que escorou para o gol praticamente vazio: 2 a 0 para Portugal!

Assim não, Diogo Jota!

Na segunda etapa da partida, Diogo Jota recebeu ótimo passe dentro da área, de André Silva. Ele finalizou cruzado, mas o goleiro do Azerbaijão fez boa defesa. No rebote, o camisa 21 não calibrou bem o pé e isolou a bola.

Goleiro Azeri brilhou

Se não fosse por Mahammadaliyev, a seleção portuguesa teria feito um placar muito mais elástico na partida de hoje. O goleiro foi o autor de belas defesas que impediram Portugal de balançar as redes mais vezes.

Vitória sacramentada

Depois de perder uma ótima chance, Diogo Jota conseguiu marcar o seu. Aos 29 minutos, Cancelo fez bela jogada e cruzou na medida para o camisa 21 ampliar a vantagem portuguesa: 3 a 0.