PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Seleção e conversa reaproximam Edenilson do Inter e esfriam chance de saída

Lucas Figueiredo/CBF
Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

06/09/2021 04h00

Edenilson já esteve perto de deixar o Internacional, mas o panorama mudou. A convocação para seleção brasileira, que disputa rodadas das eliminatórias da Copa do Mundo e precisou recorrer aos atletas em atividade no Brasil, e recentes conversas com a diretoria criaram uma reaproximação. Nos bastidores, mesmo que o mercado da bola ainda esteja aberto, a saída do jogador é considerada improvável.

As janelas de contratação para clubes do Qatar, da Arábia Saudita e dos Emirados Árabes Unidos ainda estão abertas. São destinos com interessados em Edenilson nos últimos anos, mas esse interesse esfriou.

O primeiro foi o silêncio do Al-Shabab, que, desde a primeira investida por Edenilson, já contratou outros jogadores em uma distribuição do dinheiro previsto inicialmente para levar o camisa 8 do Inter.

Depois, Edenilson conversou com os dirigentes e reiterou que toparia sair em caso de outro interessado. Escutou, do Inter, que havia vontade de mantê-lo no Beira-Rio. A leitura da diretoria é que o jogador é um dos líderes da equipe, dentro e fora de campo, e a saída em meio à temporada traria enormes prejuízos ao ambiente. E até a imagem do jogador na relação com a torcida.

Por fim, o desempenho do time melhorou, o que destacou a regularidade de Edenilson. O jogador, na sequência, foi chamado por Tite para as partidas da seleção brasileira e gerou um clima de satisfação entre as partes. Aos olhos do Internacional, Edenilson foi reconhecido e valorizado. Para o jogador, a convocação foi uma injeção de ânimo.

A partir de então, a transferência para fora do Brasil passou a ter um grande ônus: ficar mais distante dos olhos da comissão técnica da seleção brasileira.

O Internacional volta a campo contra o Sport, em Recife, na próxima segunda-feira (13). Edenilson é aguardado para reforçar o time em partida da 20ª rodada do Brasileirão.

Futebol