PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Aniversariante do domingo, Mineirão é 'pesadelo' para seleção argentina

A seleção brasileira sempre se deu bem quando encarou a Argentina no Mineirão, em Belo Horizonte - Agência I7/Mineirão
A seleção brasileira sempre se deu bem quando encarou a Argentina no Mineirão, em Belo Horizonte Imagem: Agência I7/Mineirão

Henrique André

Do UOL, em Belo Horizonte

05/09/2021 12h00

Classificação e Jogos

Um dos principais palcos do futebol mundial, o Mineirão completa 56 anos neste domingo (5), dia em que a seleção brasileira encara a Argentina pela oitava rodada das Eliminatórias para a Copa de 2022. Contudo, o maior clássico da América do Sul, pelo menos desta vez, não será disputado no Gigante da Pampulha. A partir das 16h (de Brasília), a bola rola na Neo Química Arena, estádio do Corinthians, em São Paulo.

Inaugurado em 5 de setembro de 1965, com um amistoso entre a Seleção Mineira e o River Plate-ARG, o aniversariante do dia traz péssimas recordações ao adversário de Tite e seus comandados. Para se ter ideia, os hermanos jamais conseguiram derrotar a equipe Canarinho no estádio belohorizontino.

Nas seis partidas como anfitrião, o Mineirão 'viu' a seleção brasileira conquistar cinco vitórias e "tropeçar" em 2008, quando o placar do Gigante não foi alterado. No último duelo, inclusive, um recorde importante foi batido.

Em 3 de julho de 2019, o Brasil derrotou o maior rival por 2 a 0 e avançou à final da Copa América. Na ocasião, 52.235 mil pessoas pagaram ingresso para acompanhar a partida, que teve renda de R$ 18.744.445 milhões, recorde na história do estádio.

Até aquele momento, a marca máxima atingida havia sido registrada na final da Libertadores de 2013, entre Atlético-MG e Olímpia-PAR, onde 56.557 pagantes pagaram para assistir ao jogo no Mineirão. A renda foi de R$ 14.176.146 milhões.

mineirão - Bruna Prado/Getty Images - Bruna Prado/Getty Images
Torcedores durante a semifinal da Copa América entre Brasil e Argentina no Mineirão
Imagem: Bruna Prado/Getty Images

Confira todos os jogos entre Brasil x Argentina no Mineirão

1968 - 3 x 2 (partida amistosa) - Evaldo, Rodrigues, Dirceu Lopes
1975 - 2 x 1 (fase final da Copa América) - Nelinho (2)
2004 - 3 x 1 (Eliminatórias) - Ronaldo (3)
2008 - 0 x 0 (Eliminatórias)
2016 - 3 x 0 (Eliminatórias) - Coutinho, Neymar, Paulinho
2019 - 2 x 0 (Copa América) - Roberto Firmino, Gabriel Jesus

Atlético-MG