PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Diretor do São Paulo explica valores gastos para contratar Neves e Calleri

Gabriel Neves, meio-campista do São Paulo - Divulgação/Twitter oficial do São Paulo
Gabriel Neves, meio-campista do São Paulo Imagem: Divulgação/Twitter oficial do São Paulo

Do UOL, em São Paulo

31/08/2021 14h34

Um dia depois do fechamento da janela de transferências internacionais, o diretor de futebol do São Paulo, Carlos Belmonte, explicou os valores gastos para contratar os dois reforços anunciados ontem (30). A equipe do Morumbi acertou a contratação do meia uruguaio Gabriel Neves e do atacante argentino Jonathan Calleri.

De acordo com Belmonte, Gabriel Neves não chega por empréstimo, como informado inicialmente. "Os empresários fizeram um acerto direto do Nacional e ele ficou livre do Nacional. Estamos pagando US$ 300 mil a título de luvas e ficamos com 60% dos direitos econômicos. Ao final da temporada de 2022, decidimos se devolvemos os direitos aos empresários ou adquirimos o jogador em definitivo", disse Belmonte, ao "Canal do Nicola".

A informação de que Gabriel Neves havia chegado por empréstimo ao São Paulo foi feita pelo próprio Nacional-URU, que tinha os direitos econômicos do jogador. Na mensagem de despedida ao meia, o clube uruguaio afirmou que ele se transferiria por empréstimo com opção de compra. No anúncio oficial, o São Paulo informou que Neves chega com opção de estender o contrato até 31 de dezembro de 2025.

Gabriel Neves e Jonathan Calleri acertaram um acordo até o fim de 2022 com o São Paulo. No caso do atacante argentino, ele foi emprestado pelo Deportivo Maldonado, do Uruguai, também por US$ 300 mil (R$ 1,5 milhão). Ao fim do acordo, o clube paulista poderá ficar com o atacante por cerca de US$ 3 milhões (R$ 15 milhões).

O diretor de futebol afirmou que os valores dos empréstimos serão pagos em três parcelas. A primeira será quitada pelo São Paulo em dezembro deste ano, enquanto as outras duas deverão ser pagas ao longo de 2022. O clube passa por dificuldades financeiras, com uma dívida superior a R$ 600 milhões.

O São Paulo está em processo final de regularização de Gabriel Neves e Jonathan Calleri. O meia uruguaio fará o restante dos exames médicos hoje (31) e deve ser apresentado nos próximos dias. Já o atacante argentino é esperado no Brasil na quinta-feira (2).

São Paulo