PUBLICIDADE
Topo

Juventus

Técnico da Juventus confirma saída de Cristiano Ronaldo: 'As coisas passam'

Cristiano Ronaldo lamenta eliminação da Juventus na Liga dos Campeões contra o Porto - Jonathan Moscrop/Getty Images
Cristiano Ronaldo lamenta eliminação da Juventus na Liga dos Campeões contra o Porto Imagem: Jonathan Moscrop/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

27/08/2021 08h45Atualizada em 27/08/2021 10h27

O técnico da Juventus, Massimiliano Allegri, confirmou hoje que Cristiano Ronaldo está de saída do clube após três anos na Itália - o jogador deve assinar com o Manchester City nos próximos dias.

Em entrevista coletiva nesta manhã, o treinador revelou que o português não foi convocado para o próximo jogo da equipe, diante do Empoli, após comunicar seu desejo de sair.

"Ele me disse ontem que não planeja mais jogar pela Juventus e, por isso, não será convocado para o duelo de amanhã", iniciou Allegri, explicando o motivo de CR7 não ter treinado hoje com o restante do elenco.

"As coisas passam, é uma lei da vida. A Juventus permanece, o que é o mais importante. O Ronaldo deu a sua contribuição e colocou-se à disposição, agora vai embora e a vida continua. Ele deve receber agradecimentos pelo que tem feito em campo e também como exemplo entre os mais jovens. Mas como eu disse: devemos continuar", prosseguiu.

Cristiano chegou à Juventus em 2018 após quase uma década de Real Madrid. Antes disto, ele atuou pelo Manchester United, principal rival de seu possível novo time.

Ontem, tanto o UOL Esporte quanto a imprensa europeia revelaram que o atacante tem um princípio de acordo com o City. Ele aceitou um contrato válido por duas temporadas, até junho de 2023, com um salário de 15 milhões de euros (R$ 92,5 milhões) por ano para retornar à Premier League.

Juventus