PUBLICIDADE
Topo

Futebol

"Temos que pontuar fora de casa", diz Daniel Borges após empate do Botafogo

Jogadores do Botafogo comemoram primeiro gol contra o Guarani pela 19ª da Série B - Diogo Reis/AGIF
Jogadores do Botafogo comemoram primeiro gol contra o Guarani pela 19ª da Série B Imagem: Diogo Reis/AGIF

Colaboração para o UOL, em São Paulo

18/08/2021 21h23

Após o empate do Botafogo na noite de hoje (18), que manteve a equipe na oitava posição da Série B, o lateral-direito Daniel Borges lamentou o lance em que a equipe sofreu o gol de empate do Guarani, mas ressaltou o ponto garantido fora de casa, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas-SP.

"Poderíamos sair com os três pontos. Tivemos um erro coletivo em que saiu o gol deles. Mas para o time que quer subir, temos que pontuar fora de casa. Conseguimos um ponto, não vamos reclamar porque pode ser importante lá na frente", comentou Borges logo após o jogo pela 19ª rodada.

Com um segundo turno inteiro pela frente, o lateral destacou que o objetivo da equipe de Enderson Moreira não será somente subir de divisão. "A gente quer brigar por coisas grandes. Queremos não só o acesso como o título, então a motivação tem que estar sempre em alta", disse.

Para alcançar essa meta, o próximo desafio do Glorioso será contra o Vila Nova, no Engenhão, às 11h (horário de Brasília) do domingo (22).

Andrigo critica arbitragem

Autor do gol de empate do Bugre na noite de hoje, Andrigo elogiou a atuação da equipe campineira, mas criticou a atuação da arbitragem de Marielson Alves Silva, sobretudo por um lance no qual a bola teria tocado na mão do zagueiro Gilvan, segundo o meia.

"Fizemos um bom jogo, tivemos um desencaixe que resultou no gol deles, mas tivemos inteligência emocional pra nos portarmos bem e consegui fazer o empate. Na minha visão o juiz pecou, na mão do Gilvan, na minha visão foi pênalti, mas isso não cabe a nós", disse ele.

Para o meio-campista, o Guarani brigará no topo da tabela durante o returno: "Temos capacidade, estamos brigando em cima".

Futebol