PUBLICIDADE
Topo

Vasco

Flagrado em festa, MT pede desculpa à torcida do Vasco: 'Envergonhado'

MT, meia do Vasco, em partida contra a Caldense, pela Copa do Brasil - Rafael Ribeiro/Vasco.com.br
MT, meia do Vasco, em partida contra a Caldense, pela Copa do Brasil Imagem: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

16/08/2021 17h58

O meia MT, do Vasco, se pronunciou na tarde de hoje (16), por meio de uma rede social, após ter sido flagrado em uma festa ontem (15), em Cabo Frio, no Rio de Janeiro, e afastado pelo clube por três dias. No texto publicado, o camisa 32 pede desculpas "de peito aberto" e assume que, em um momento de pandemia, foi "infeliz na decisão":

"Meus pais sempre me ensinaram a responder por todos os meus atos. Cada ação, uma consequência. Antes de mais nada, queria pedir desculpa, de peito aberto, pelo erro cometido no último fim de semana. Em um momento de pandemia, assumo que fui infeliz na decisão. No Vasco da Gama, aprendo todos os dias a moldar o meu caráter, por isso, estou envergonhado. Faço questão de registrar. Saibam sempre que a cruz de malta será o meu pendão".

Vídeos de MT em uma festa foram divulgados em rede social no último domingo. Através de nota oficial, na mesma noite, o Vasco informou que "todos os atletas haviam sido terminantemente proibidos de frequentar ambientes fechados com aglomerações e de festa, respeitando protocolo sanitário da Covid-19". Além disso, o clube indicou que o jogador será multado e "afastado das atividades no CT Moacyr Barbosa por, pelo menos, três dias, quando iniciará sessão de testes de covid".

MT foi titular no jogo contra o Remo, fora de casa, na última sexta-feira, pela Série B do Brasileiro. Na derrota para o time paraense, ele atuou improvisado na lateral esquerda. A equipe do técnico Lisca volta a campo nesta quarta-feira, contra o Londrina.

Vasco