PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Giovanni fala em frustração por empate do Cruzeiro e reclama da arbitragem

Giovanni reclamou da arbitragem e disse que empate com o Vitória gera frustração no Cruzeiro - Bruno Haddad/Cruzeiro
Giovanni reclamou da arbitragem e disse que empate com o Vitória gera frustração no Cruzeiro Imagem: Bruno Haddad/Cruzeiro

Do UOL, em Belo Horizonte

11/08/2021 21h21

Classificação e Jogos

O Cruzeiro só empatou em 2 a 2 com o Vitória na noite de hoje (11), no estádio Independência, pela 17ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O resultado não foi bom para a Raposa e nem para o Leão, que lutam para sair da parte de baixo da classificação. Autor do segundo gol cruzeirense, o meia Giovanni disse que o resultado ao fim dos 90 minutos foi muito frustrante, e relativizou o fato de novamente balançar a rede a favor de sua equipe.

"O gol, eu nem ligo, para mim é o de menos. O que importa, para nós, é a vitória, coisa que não conseguimos dentro de casa. Frustração muito grande, porque virar um jogo é muito difícil. A gente conseguir virar, mas tomar o empate, é complicado", lamentou.

Além de lamentar o resultado em casa, Giovanni reclamou da arbitragem, que anotou um pênalti de Rômulo ainda no primeiro tempo, após o lateral derrubar o jogador Marcinho, do Vitória, dentro da área. Na partida anterior, contra o Brusque, o Cruzeiro também teve um pênalti contra assinalado pela arbitragem.

Sempre o Cruzeiro é prejudicado. Em Brusque foi prejudicado, contra o Botafogo, no Rio de Janeiro, foi prejudicado. Hoje, novamente mais um pênalti, e nada", disparou contra os árbitros.

Análises de profissionais da arbitragem da Central do Apito, da TV Globo, apontaram que o lance de Rômulo realmente foi pênalti.

Cruzeiro