PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Fortaleza faz gol no último lance e bate o Palmeiras por 3 a 2 em SP

Diego Iwata Lima

Do UOL, em São Paulo

07/08/2021 23h01

Classificação e Jogos

Em um dos melhores jogos do Campeonato Brasileiro, Palmeiras e Fortaleza empatavam em 2 a 2 até o minuto final. Mas em jogada de contra-ataque, Pikachu fez o domínio já na grande área, driblou Mayke e Gómez e tocou com precisão para Igor Torres fazer o terceiro do time visitante, aos 50min, neste sábado (7), no Allianz Parque.

Os quatro primeiros gols saíram na primeira etapa, que foi frenética e muito bem jogada. Titi, contra, e Willian, fizeram para o time da casa. Robson e Benevenuto, para o Fortaleza. Na segunda etapa, em especial após Felipe ser expulso, o Palmeiras dominou o jogo, mas não conseguiu o gol da vitória. O Fortaleza, por outro lado, aproveitou, em uma vitória heroica.

Com o resultado, o Palmeiras segue na liderança do campeonato, com 32 pontos. Tem apenas um a mais que o vice-líder Atlético-MG, que enfrenta o Juventude no domingo (8). Já o Fortaleza permanece em terceiro e vai a 30 pontos, na briga pelo título.

Na próxima rodada, o Palmeiras enfrenta o Atlético-MG, em confronto pela ponta do campeonato. O Fortaleza recebe o Santos no Castelão.

Gustavo Scarpa brilhou de novo

O camisa 14 foi mais uma vez o destaque do Palmeiras. Participou muito do jogo e deu assistência para gol de Willian. Sua saída foi inexplicável.

Weverton falhou feio

O goleiro é um dos melhores da posição no Brasil, não se discute. Mas falhou muito feio no lance decisivo que deu o segundo gol ao time visitante.

Jogo começa intenso e com dois gols antes dos 20

Os dois times começaram o jogo em ritmo intenso, com marcações altas pressionando as saídas de jogo. Havia equilíbrio, quando o Palmeiras saiu na frente, aos 14. Wesley lançou Mayke pela direita, que cruzou rasteiro. No caminho, o zagueiro Titi desviou e anotou contra. O empate demorou muito pouco. Lucas Crispim bateu falta pela direita e Marcelo Benevenuto subiu entre Gustavo Gómez e Luan para cabecear muito firme, no ângulo, sem qualquer chance para Weverton, aos 17.

Weverton falha, e Fortaleza vira

Após levar o empate, o Palmeiras ficou visivelmente nervoso e mal defensivamente. A virada veio em um ataque bem coordenado com Romarinho e Lucas Crispim, que limpou a jogada e bateu forte e rasteiro, de fora da área. O goleiro estava bem colocado e caiu para fazer a defesa. Mas largou a bola e, no rebote, Robson fuzilou sem chance, aos 24.

Scarpa chega a 16 assistências, e Palmeiras empata

O Palmeiras insistiu e conseguiu o empate em uma jogada claramente trabalhada em treinos. Scarpa, pelo meio, pede e recebe, na ponta, passe rasteiro de Luan. O meia avançou como um ala e cruzou rasteiro, no pé de Willian, que decretou 2 a 2, aos 33. A partir desse gol, os dois times chegaram menos, mas não por falta de tentativas.

Ritmo segue alto, e Abel faz mudança tripla

As duas equipes voltaram no mesmo ritmo na segunda etapa, com o Palmeiras conquistando mais campo e sendo mais perigoso. Aos 14, Abel Ferreira fez uma mudança tripla, colocando em campo Dudu, Veron e Victor Luis, para saída de Wesley, Scarpa e Renan. A substituição de Scarpa não fez muito sentido. O meia era o melhor em campo.

Palmeiras termina o jogo com quatro atacantes em campo

Dudu, Veron, Deyverson e Luiz Adriano. Essa foi a linha de ataque de Abel na reta final da partida. Dudu e Luiz Adriano ocuparam a faixa mais central, com Deyverson á frente na área e Veron circulando, mas caindo mais pela direita. Com Felipe do Fortaleza expulso, os espaços apareciam. Mas o Palmeiras teve dificuldade para aproveitá-los.

Pikachu destrói zaga verde, e Torres faz o gol da vitória

No último lance do jogo, com Victor Luis ,também já expulso, o Fortaleza fez o gol da vitória. Pikachu recebeu um lançamento de Éderson, em inversão de bola, dentro da área, driblou Gómez e Mayke num curto espaço e rolou para Torres sacramentar a vitória do Leão.

PALMEIRAS X FORTALEZA

Motivo: Campeonato Brasileiro, 15ª rodada

Local e Horário: Allianz Parque, 21h

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio - GO

Assistentes: Fabrício Vilarinho e Bruno Pires, ambos também de Goiás

VAR: Rodrigo Miranda - RJ

Gols: Titi (contra) e Willian (Palmeiras); Robson, Benevenuto e Torres (FOR)

Cartões Amarelos: Renan, Gómez, Zé Rafael, Victor Luis (PAL), Felipe (FOR)

Cartão Vermelho: Felipe (FOR) e Victor Luis (PAL)

Palmeiras: Weverton, Mayke, Luan, Gómez e Renan (Victor Luis); Zé Rafael, Patrick de Paula, Gustavo Scarpa (Veron) e Raphael Veiga (Luiz Adriano); Wesley (Dudu) e Willian (Deyverson). Técnico: Abel Ferreira

Fortaleza: Marcelo Boeck; Tinga, Benevenuto e Titi; Yago Pikachu, Felipe, Jussa, Matheus Vargas (Éderson) e Crispim; Robson (Igor Torres) e Romarinho (Welington Paulista). Técnico: Juan Pablo Vojvoda

Futebol