PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Com poder de investimento restrito, Inter busca criatividade para contratar

Ricardo Duarte/Inter
Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

06/08/2021 04h00

Nada mudou nos gabinetes do Beira-Rio. Ainda que tenha liberado Peglow e Léo Borges para o Porto, vendido Praxedes e emprestado Nonato recentemente, o Inter segue com duras restrições de investimento. Sem poder gastar um montante que o coloque na disputa pelos principais alvos do mercado da bola, o Colorado aposta em criatividade para fechar o grupo.

Como informou o UOL Esporte, apenas uma posição está em foco atualmente. O clube de Porto Alegre procura um atacante de velocidade para entregar a Diego Aguirre.

Mesmo sendo uma peça presente na maioria dos times, chegar ao jogador ideal dentro das restrições financeiras do clube não é tarefa simples. A ideia é abusar da criatividade e definir padrões de avaliação para minimizar erros.

Atletas que demandem investimento alto, imediato, ou que acarretem disputas no mercado, o famoso "leilão", automaticamente sacam o Colorado da fila. É imperativo que seja um atleta que possa render mais do que seu custo indique.

Ainda é preciso levar em conta o que já há no grupo. Contratar um jogador de qualidade semelhante aos que já estão disponíveis apenas pesaria na folha de pagamento e não agregaria ao time.

É preciso, também, observar a quantidade de estrangeiros. Com Gabriel Mercado inscrito, o Inter tem mais jogadores de outras nacionalidades do que pode utilizar ao mesmo tempo. Ou seja, trazer mais um gringo ou precisaria acarretar liberação de outro, ou poderia se tornar um problema ao ter que sacar sempre alguém da lista de relacionados.

A investida mais recente do Inter no mercado da bola foi por Paulinho, que foi para o Al-Shabab, da Arábia Saudita. Na ocasião, o valor que poderia ser gasto batia em 1 milhão de euros (R$ 6,1 milhões na cotação atual).

Outros movimentos, sempre respeitando a necessidade de criatividade, só serão impostos por saídas. No entanto, investidas por jogadores do elenco esfriaram e conclusões são consideradas mais difíceis no momento.

Futebol