PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Em jogo com 10 amarelos, Boca Juniors elimina River Plate nos pênaltis

Boca Juniors e River Plate fizeram uma partida bem disputada nesta quarta-feira (4) - Divulgação / Boca Juniors
Boca Juniors e River Plate fizeram uma partida bem disputada nesta quarta-feira (4) Imagem: Divulgação / Boca Juniors

Colaboração para o UOL, em São Paulo

04/08/2021 21h26

No Estádio Único de La Plata, pelas oitavas de final da Copa Argentina, Boca Juniors e River Plate fizeram um jogo bem disputado, com 10 cartões amarelos e nenhum gol no tempo normal. Após o empate durante os 90 minutos, o Boca foi muito superior e se classificou vencendo a disputa por pênaltis por 4 a 1. Com o triunfo nesta quarta-feira (4), o time irá enfrentar o Patronato por uma vaga na semifinal do torneio.

O super clássico argentino foi marcado pelo equilíbrio. Bem falado e com muitas discussões, o confronto ficou amarrado no meio-campo. O grande número de faltas resultou ainda em poucas oportunidades de gol.

Nas penalidades, o goleiro Rossi se destacou. Ele pegou a primeira cobrança, de Álvarez e ainda contou com o erro de Romero, na segunda batida. Martínez foi o único que balançou as redes para o River. Rojo, Ramírez, Pavón e Izquierdoz marcaram para o Boca.

Ao todo, 10 cartões amarelos foram distribuídos pelo árbitro Patricio Loustau, que apitou pela sexta vez o embate entre os clubes mais populares da Argentina. 4 jogadores Boca receberam a advertência: Juan Ramírez, Carlos Zambrano, Marcos Rojo e Pulpito González. Já o River teve seis atletas amarelados: Romero, Zuculini, Paulo Díaz, Montiel, Héctor Martínez e Enzo Pérez.

Futebol