PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Paes brinca com Fla por Maraca fechado e sinaliza reabertura: "Sou Vascão"

Torcida do Flamengo fez um mosaico na entrada do time em campo, contra o Grêmio, pela Libertadores - Leo Burlá / UOL
Torcida do Flamengo fez um mosaico na entrada do time em campo, contra o Grêmio, pela Libertadores Imagem: Leo Burlá / UOL

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

28/07/2021 11h27

Eduardo Paes, prefeito do Rio de Janeiro, brincou com o fato de ainda não ter liberado a capacidade parcial do Maracanã para jogos dos clubes do Rio.

Em evento que marcou o lançamento de um programa cultural no Rio, Paes, que é vascaíno, brincou com as piadas com o fato de que ele não abre os portões por ser vascaíno.

"A última que estão fazendo comigo é que não libero jogos do Flamengo porque sou vascaíno. Se eu pudesse, bem que faria mesmo, tudo pelo meu Vascão. Se eu fosse juiz de futebol, o Vasco não estava na desgraça que está", brincou o prefeito.

Paes, no entanto, sinalizou que a reabertura está próxima e garantiu que vai anunciar brevemente um plano de retomada gradual de todas atividades no município do Rio de Janeiro:

"Nos próximos dias, devemos anunciar nosso plano de retomada, a vacinação está avançando bem. Vamos ter Carnaval em 2022, tem de acontecer algo de muito inusitado para não. A gente quer que esse processo de renascimento tenha o Rio como protagonista. Estamos tomando decisões com base na ciência".

Na última terça-feira, o UOL Esporte informou que o prefeito ainda reluta com a ideia, mas o Flamengo não desistiu de conseguir ter parte da Nação no duelo contra o Olimpia, dia 18 de agosto.

Ainda sem sua casa, o Flamengo estuda alternativas e vê João Pessoa como uma possibilidade. Brasília, que recebeu o jogo das oitavas da Libertadores, também quer abrigar novamente os rubro-negros.

Flamengo