PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio manda emissário à Europa atrás de reforços e acordo por M. Henrique

LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA
Imagem: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

28/07/2021 04h00

O Grêmio foi à Europa atrás de negócios no mercado da bola. Carlos Amodeo, CEO do clube gaúcho, está no segundo país do plano de viagem em busca de reforços. A gira no Velho Continente também trata do interesse do Sassuolo-ITA em Matheus Henrique, atualmente na seleção brasileira que disputa os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Amodeo está na Europa desde o final de semana e passou por Portugal antes de chegar à Itália, onde se encontra atualmente.

"Eu só tenho uma confirmação a dar: a de que o Amodeo realmente está na Itália. O que tem de concreto é que a janela de transferência abre em 1º de agosto. Posso adiantar que ele está lá, mas o objetivo da viagem eu preciso manter de forma discreta ainda", disse Romildo Bolzan Jr., presidente do Grêmio, em entrevista coletiva.

A diretoria do Grêmio e Luiz Felipe Scolari falam sobre reforços antes mesmo de o treinador ser anunciado oficialmente. A meta é contratar pelo menos dois jogadores, com lista chegando a no máximo quatro nomes. A prioridade é fechar com meia e centroavante.

Matheus Henrique também é assunto da viagem pelo interesse do Sassuolo. O clube italiano procurou informações sobre o volante recentemente. O Grêmio detém 90% dos direitos econômicos do jogador e tem interesse em negócio com valor de cerca de 10 milhões de euros (R$ 61,2 milhões na cotação atual).

A tendência é que o emissário do Grêmio na Europa volte ao Brasil no final da semana. A janela de transferências internacionais reabre em solo verde e amarelo no domingo, com a segunda-feira (2) sendo o primeiro dia útil para inscrições.

Futebol