PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Copa do Brasil: Grêmio bate Vitória em jogo com revisão de 8 minutos no VAR

Do UOL, em Porto Alegre

27/07/2021 23h28

Classificação e Jogos

O Grêmio ganhou um fôlego em meio ao ambiente de pressão. Hoje (27), em Salvador, o time gaúcho fez 3 a 0 no Vitória no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. O triunfo fora de casa dá boa vantagem de olho na próxima fase, mas também injeta tranquilidade no dia a dia da equipe comandada por Felipão.

A partida ainda ficou marcada pela demora do VAR em revisão lance do primeiro gol gremista. Foram oito minutos de paralisação para confirmar a decisão de campo.

Ricardinho, Léo Pereira e Diogo Barbosa fizeram os gols do Grêmio no Barradão. Com o placar fora de casa, o Grêmio pode até perder por dois gols de diferença em Porto Alegre, na próxima terça-feira, que segue no mata-mata organizado pela CBF.

Antes do reencontro entre os clubes, na Arena do Grêmio, o time de Felipão volta a jogar pelo Campeonato Brasileiro. No sábado (31), o Grêmio visita o Red Bull Bragantino. No mesmo dia, o Vitória recebe o Avaí pela Série do Brasileirão.

Quem foi bem: Ricardinho

Centroavante voltou a marcar gol depois de 13 jogos e abriu o placar em Salvador. No segundo tempo, Ricardinho ainda deu assistência para Léo Pereira fazer 2 a 0. Ao longo da partida, o herdeiro da posição de Diego Souza mostrou aplicação e dinâmica no ataque.

Quem decepcionou: Pablo Siles

Herói do triunfo do Vitória em cima da Ponte Preta, o meia não conseguiu adicionar criatividade e lucidez ao meio-campo. Um dos jogadores mais regulares do time na temporada, o uruguaio fez partida para lá de discreta.

VAR faz jogo ficar parado por oito minutos

O gol de Ricardinho demorou para ser confirmado. O árbitro de vídeo pediu tempo para revisar a jogada, por dúvida na posição do centroavante. Depois de oito minutos de paralisação, a arbitragem ouviu que o duelo podia continuar. Durante a parada, Felipão esbravejou bastante à beira do gramado.

Cortez, Lucas Silva e Darlan voltam

O Grêmio foi a campo com uma escalação bastante modificada, na comparação com o jogo diante do América-MG. Pedro Geromel, mesmo com a delegação em Salvador, ficou no banco. E o time teve os retornos de Bruno Cortez, Lucas Silva e Darlan. O ex-jogador do Cruzeiro, aliás, foi capitão da equipe e iniciou a jogada do primeiro gol.

Vitória espera demais e assiste ao Grêmio

Uma postura mais defensiva, contra o Grêmio, até poderia estar dentro do esperado. Mas o Vitória, ao longo do jogo (e especialmente no primeiro tempo), ficou muito atrás. Na etapa inicial, chegou a assistir ao time visitante bater em 80% da posse de bola. Com direito a pressão com todos os jogadores de linha no campo de ataque.

Na volta do intervalo, Ramon fez duas trocas e soltou um pouco o time. Ainda assim, a primeira finalização no gol aconteceu perto dos 15 minutos da etapa final. E defensivamente os erros ficaram mais evidentes pelos espaços e postura do Grêmio.

Grêmio vive jogo incomum e testa ataque

O Grêmio de Felipão atacou. No sexto jogo sob comando de Scolari, o time mudou a postura e saiu para o jogo desde o primeiro minuto. Jean Pyerre conduziu o time para área mais próxima da baliza do Vitória. E no ataque, a equipe até teve tempo (pelo ritmo lento do duelo) para experimentar expedientes diferentes em busca de melhores chances. O gol caiu de cruzamento da direita, mas ao longo da partida o Grêmio circulou a bola e teve mais jogo pelo centro — não somente com Alisson e Léo Pereira pelos flancos.

No segundo tempo, o Grêmio ampliou o placar ao pressionar a saída curta do Vitória. Com a vantagem dobrada no escore, o time gaúcho fez trocas e testou funções diferentes para Diogo Barbosa e Luiz Fernando.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA 0 x 3 GRÊMIO

Data e hora: 27/07/2021 (terça-feira), às 21h30 (de Brasília)
Local: Barradão, em Salvador (BA)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (Fifa/SP)
Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa/SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
VAR: Márcio Henrique de Gois (SP)
Cartões amarelos: Eduardo, Pedrinho (VIT);
Gols: Ricardinho, aos 31 minutos do primeiro tempo (GRE); Léo Pereira, aos nove minutos do segundo tempo (GRE); Diogo Barbosa, aos 48 minutos do segundo tempo (GRE)

VITÓRIA: Lucas Arcanjo; João Victor (Guilherme), Marcelo Alves e Mateus Moraes; Cédric, J. P. Mendes (Gabriel Bispo), Siles, Eduardo (Soares) e Pedrinho (Roberto); David (Catatau) e Samuel
Técnico: Ramon Menezes

GRÊMIO: Gabriel Chapecó; Vanderson, Ruan, Rodrigues e Bruno Cortez (Diogo Barbosa; Lucas Silva, Darlan (Bobsin) e Jean Pyerre (Pinares); Léo Pereira (Luiz Fernando), Alisson e Ricardinho
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Futebol