PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Sport e Ceará terminam empatados na Ilha do Retiro pela Série A

Bruno Fernandes

Colaboração para o UOL, em Maceió

25/07/2021 22h31

Classificação e Jogos

Sport e Ceará terminaram empatados em 0 a 0 na noite de hoje (25), na Ilha do Retiro, em Recife, em partida válida pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Leão, agora com 11 pontos, deixa a zona de rebaixamento e empurra o São Paulo para a 17ª posição por conta do saldo de gols. O Ceará, permanece momentaneamente na setíma colocação, com 19 pontos.

A partida foi dominada pelo Ceará durante os primeiros 20 minutos, com a equipe comandando as jogadas de ataque, enquanto o Sport permanecia na defesa. O Sport, por outro lado, apostou nos contra-ataques para buscar o resultado positivo, mas sem sucesso.

A segunda etapa não foi tão diferente da primeira, mas só começou a ficar mais dinâmica nos minutos finais depois que os técnicos de ambas as equipes realizaram mudanças no ataque. A chuva, no entanto, atrapalhou e diminuiu o ritmo da partida nos últimos 15 minutos.

Na próxima rodada o Sport encara o Bahia, domingo (1º), às 18h15h, no Pituaçu. No mesmo dia, às 20h30, o Ceará enfrenta um Clássico Rei contra o Fortaleza, na Arena Castelão.

Uniforme desenhado pelos torcedores

O Ceará estreou diante do Sport o seu terceiro uniforme, desenhado pelo torcedor Johnathan Martins Lima. Foram mais de 500 inscritos e 15 mil votos para o traje nomeado de Nação Alvinegra que tem a camisa cinza com listras brancas e detalhes especiais nas mangas e na gola com frases de apoio.

Crise na Ilha

O Leão não está tão preocupado com novos uniformes pois tem outras prioridades para se preocupar. A equipe vive uma crise na Ilha do Retiro, principalmente em relação a salários dos jogadores que chegaram a ficar atrasados e que aos poucos estão sendo enxugados pela nova gestão. Exemplo disso é que, até a última semana, a permanência de Thiago Neves no elenco era uma incógnita. Nos últimos 45 dias, seis jogadores deixaram o clube recifense. O último foi o lateral-direito Patric, que conseguiu, via Justiça, a liberação do seu contrato.

O jogo

Mesmo sem contar com sete de seus principais jogadores, o Ceará não se intimidou e tomou a iniciativa na maioria das jogadas durante toda a primeira etapa. O Sport, por outro lado, não mostrou muito entusiasmo em movimentações ofensivas e priorizou a defesa. A partida só ficou mais equilibrada nos minutos finais, com ambos os times atacando e defendendo em contra-ataques seguidos.

Segundo tempo começa com atraso

A segunda etapa começou com quatro minutos de atraso por conta de problemas técnicos nos equipamentos de comunicação da arbitragem. Eles estavam ouvindo, mas não conseguiam falar com os responsáveis pelo VAR. Um cabo foi trocado e tudo voltou ao normal.

Timbu assiste ao jogo na arquibancada

Uma cena curiosa chamou atenção na transmissão televisiva da partida e logo ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter no momento do jogo. Um timbu, mascote do Náutico e rival do Sport, em Recife, deu o ar das graças na partida e apareceu andando na arquibancada rubro-negra.

Thiago Neves não entra em campo

O Leão da Ilha teve uma novidade no banco: o retorno de Thiago Neves, que retomou os treinos na última semana após quase deixar a equipe depois de se recuperar de uma lesão. Apesar de poder contar com o jogador, Umberto Louzer preferiu deixar o meia no banco e não o utilizou na partida.

Chances nos minutos finais

O Sport tentou uma última jogada de perigo com Marcão, aos 43 minutos. O volante recebeu fora da área e só olhou para o goleiro Richard para arriscar de forte longe, mas a bola acabou indo para fora. Bruno Pacheco, do Ceará, tentou descontar ao tentar o cruzamento na área, mas a bola desviou e foi para fora.

FICHA TÉCNICA:

SPORT 0 x 0 CEARÁ

Motivo: 13ª rodada do Campeonato Brasileiro - Série A
Local: Ilha do Retiro, Recife (PE)
Data e hora: 25/07/2021 (domingo), às 20h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Auxiliares: Anderson José de Moraes Coelho e Luiz Alberto Andrini Nogueira (ambos SP)
Cartões amarelos: Pedro Naressi (CEA), Gustavo Oliveira (SPO), Marcão Silva (SPO), Thiago Lopes (SPO), Paulinho Moccelin (SPO)
Gols: não teve

Sport: Mailson, Hayner, Sabino, Rafael Thyere, Chico, Marcão, Zé Welison, Thiago Lopes (AirtonTréllez), Gustavo (Paulinho Moccelin), Everaldo e Mikael (André). Técnico: Umberto Louzer.

Ceará: Richard, Fabinho, Gabriel Lacerda, Messias, Bruno Pacheco, Pedro Naressi (Pedro Naressi), Fernando Sobral, Jorginho (Kelvyn), Rick (Airton), Lima e Cléber. Técnico: Guto Ferreira.

Futebol