PUBLICIDADE
Topo

Futebol

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

RMP: "É inadmissível o SPFC brigar contra rebaixamento com elenco que tem"

Do UOL, em São Paulo

25/07/2021 21h44

Classificação e Jogos

O São Paulo continua em momento ruim no Brasileirão. Neste domingo (25), o Tricolor até saiu na frente do placar diante do Flamengo no Maracanã. Porém, o time não apenas levou a virada como acabou goleado por 5 a 1. Com o resultado, a equipe voltou a flertar com a proximidade da zona de rebaixamento.

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL Esporte - com os jornalistas Isabela Labate, Renato Maurício Prado, Milly Lacombe e Marluci Martins - a situação do São Paulo no Brasileirão foi discutida pelos comentaristas, que alertara para os riscos de o Tricolor demorar para reagir na competição.

"O São Paulo está pagando o preço do estadual. Focou tudo no Paulista, tanto no preparo físico como psicológico. Ganhou, mas virou o fio e agora está perto da zona do rebaixamento. Conseguiu se recuperar na Libertadores, que é o campeonato mais importante. No Brasileiro, mesmo que ganhasse hoje, não ia disputar mais nada. Está muito atrás e precisa sair dessa zona de confusão. Não pode continuar brigando contra o fantasma do rebaixamento. Com o elenco que tem, é inadmissível. Mas isso eu acho que o São Paulo vai conseguir, sim", analisou Renato.

Para Marluci, o São Paulo teria qualidade suficiente para estar no topo da tabela do Brasileirão, em condições de brigar pelas primeiras posições. "Vejo o São Paulo muito bom, mas é inexplicável. Tem um desgaste psicológico causado por esta grande expectativa muito grande por conta do Paulista que fez. Com as seguidas contusões, sentiu o desgaste. Tinha tudo para estar disputando lá em cima", opinou.

Milly chamou a atenção para o lado psicológico, que voltou a afetar o desempenho dos jogadores do Tricolor. "Acho o São Paulo um time que joga muito bem. Emocionalmente, está desestabilizado. Precisa de muito pouco para tirar o equilíbrio emocional do São Paulo. Mas é um time que, quando quer, joga muito solidamente", apontou.

Marluci vê a cobrança ainda mais intensa sobre o Tricolor para que o time encontre equilíbrio e pare de oscilar tanto. "O São Paulo não vai ter fôlego pelo que vem acontecendo somado ao que houve hoje. A grande hora da virada do São Paulo achei que seria hoje. Não que tivesse que vencer, mas fazer um jogo para demonstrar que encontrou seu equilíbrio. O jogo contra o Racing [vitória por 3 a 1 na Argentina, que selou a classificação para as quartas de final da Libertadores] foi muito bom. Essa goleada do Flamengo só joga mais pressão para cima do São Paulo. Joga o time para baixo tanto na tabela como emocionalmente", completou.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol