PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Com jogo adiado, Flu ganha tempo antes de sequência decisiva nos mata-matas

Roger Machado terá semana livre de treinos com o Fluminense antes de decisões na Copa do Brasil e na Libertadores - Mailson Santana/Fluminense FC
Roger Machado terá semana livre de treinos com o Fluminense antes de decisões na Copa do Brasil e na Libertadores Imagem: Mailson Santana/Fluminense FC

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

20/07/2021 04h00

Classificação e Jogos

Em vantagem nas oitavas de final da Libertadores, o Fluminense concordou com o adiamento do jogo da volta contra o Cerro Porteño-PAR, no Maracanã, em 14 dias. Antes marcado para hoje (20), a partida será disputada apenas no dia 3, e a avaliação interna é que o tempo será bom para todos.

A primeira questão está acima do futebol, como o próprio time paraguaio reconheceu em suas redes sociais. Isso porque o técnico Francisco Arce acaba de perder seu filho, Alexandro Javier Arce, em um trágico acidente de carro em Assunção. Em função de seu luto, a Conmebol requisitou o adiamento e viu o pleito ser prontamente aceito pelo Tricolor.

Além disso, o Flu terá uma semana livre de treinos, algo que o técnico Roger Machado costuma pedir ao criticar o calendário do futebol brasileiro. Nos últimos quatro jogos em casa, a equipe não venceu, e o sinal de alerta está ligado nas Laranjeiras.

"Por vezes, nós somos cobrados para buscar alternativas de jogo pelas dificuldades apresentadas na partida, tendo em vista que temos pelo menos 50 jogos, quarta e domingo. Com dois jogos na semana, são seis dias, fora deslocamento, tendo que lidar com ausências de convocação, desgaste. Se fizéssemos seis jogos por mês, com uma semana aberta, já nos atenderia. Mas é isso que nós temos, tentamos lidar com isso", declarou, após empate com o Corinthians. Roger sofreu críticas por poupar jogadores na derrota para o Grêmio.

No período, o tempo será conveniente para dar ritmo a Fred, que não está 100% após lesão muscular, e recuperar Raúl Bobadilla, reserva do ataque, que trata um problema na panturrilha.

Por conta da transferência de datas na Libertadores, outras mudanças foram feitas nos próximos jogos do Flu. Depois da incomum semana livre, o clube das Laranjeiras terá uma sequência de decisões tanto na competição internacional quanto na Copa do Brasil.

Em 12 dias, o Tricolor terá os dois confrontos com o Criciúma pelas oitavas de final do mata-mata nacional, em 27/07 e 07/08, e disputa o jogo da volta contra o Cerro Porteño, em 03/08, pela mesma fase da Libertadores. No meio do caminho, ainda terá adversários duros no Campeonato Brasileiro.

O próximo rival do Fluminense é o Palmeiras, líder do Brasileirão, no próximo sábado (24), às 19h, fora de casa, no Allianz Parque, onde o Tricolor nunca venceu. Entre os jogos pela Copa do Brasil, o Tricolor ainda recebe o Juventude, no dia 31, no Maracanã.

Uma outra preocupação do Tricolor é fora de campo. O Cerro entrou com pedido de anulação do jogo de ida por conta de erros do VAR, admitidos pela Conmebol. Ainda que a entidade máxima do futebol sul-americano não veja possibilidade de aceitar o pleito paraguaio, o tempo também é visto como trunfo para o rival, que segue exercendo pressão sobre a arbitragem pela imprensa e comunicados.

Fluminense