PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Padrinho do filho de Arce, Alex posta texto emocionante após morte do jovem

Alex, técnico do sub-20 do São Paulo, em duelo contra o Corinthians - Rubens Chiri/saopaulofc.net
Alex, técnico do sub-20 do São Paulo, em duelo contra o Corinthians Imagem: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Colaboração para o UOL, em São Paulo (SP)

19/07/2021 13h52Atualizada em 20/07/2021 08h10

O filho do ex-jogador e atual técnico do Cerro Porteño Francisco Arce, Alexsandro Javier Arce, morreu na manhã do último domingo após um acidente de carro no Paraguai e Alex, que foi colega de 'Chiqui' Arce no Palmeiras e era padrinho do jovem de 20 anos lamentou muito a morte do filho de Arce via redes sociais.

"A amizade saiu dos muros do futebol e entrou na família. Num belo dia, Chiqui veio e deu a notícia que sua filha, Âmbar, teria um irmãozinho. A notícia de que ele seria pai novamente veio em meio à disputa da Copa Libertadores. Nasceu prematuro e acompanhamos de perto toda a luta da família para se manter firme, e do menino para passar por aquele momento. Passou por aquilo e cresceu dando muitas alegrias aos pais, aos amigos, a quem o conhecia. E eles ainda me deram uma homenagem. Convidaram a mim e minha esposa como padrinhos, e ainda deram meu nome a ele. Jamais consegui palavras para agradecer por algo tão significativo".

Alex ressaltou que, apesar da dor, é preciso seguir em frente:

"Aprendi a não questionar desígnios de uma força maior. Lamento, fico triste, choro, grito... Mas temos que seguir. Deixo aqui um agradecimento ao Arce e a Marta por ter colocado minha família como parte da família deles. Deixo meus sentimentos a todos da família nesse momento. Minhas orações e pedido de muita luz e força para seguirmos"

"Ao Alex, meu muito obrigado pelo pouco tempo que passou conosco, missão cumprida meu amigo. Tenhamos muita luz para seguirmos nosso caminho. Chiqui, Marta, Âmbar e toda a família, que Deus possa confortá-los de alguma maneira.", finalizou Alex.

O confronto de volta entre Cerro Porteño, comandado por Arce, e Fluminense, válido pelas oitavas de final da Libertadores, que seria amanhã, foi adiado por conta do acidente ocorrido.

Futebol