PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Conselho votará constituição da S.A.F do Cruzeiro no começo de agosto

Conselho Deliberativo do Cruzeiro votará à constituição da S.A.F do futebol celeste - Bruno Haddad/Cruzeiro
Conselho Deliberativo do Cruzeiro votará à constituição da S.A.F do futebol celeste Imagem: Bruno Haddad/Cruzeiro

Guilherme Piu e Igor Siqueira

Do UOL, em Belo Horizonte e Rio de Janeiro

14/07/2021 21h49

Classificação e Jogos

Depois de o Senado Federal e a Câmara dos Deputados aprovarem o Projeto de Lei 5516/19 — seguirá para sanção presidencial —, que estabelece a criação das Sociedades Anônimas do Futebol (SAFs), o Cruzeiro, um dos clubes mais interessados no assunto, já tem reunião agendada para tratar do assunto. No dia 10 de julho foi publicado em jornal de grande circulação em Minas Gerais um edital de convocação para reunião extraordinária no Conselho Deliberativo celeste a ser realizada no próximo 2 de agosto, no Parque Esportivo do Barro Preto, a partir das 18h30. Nesse encontro entrará em votação à constituição de Sociedade Empresária de Prática Desportiva Profissional da Raposa.

O edital de convocação feito pelo Conselho Deliberativo do Cruzeiro sofreu uma errata alterando a data da realização da Reunião Extraordinária, que estava anteriormente marcada para 26 de julho.

"O presidente do Conselho Deliberativo do Cruzeiro Esporte Clube, diante de autonomia concedida pela Constituição Federal às entidades desportivas e associações para organização e funcionamento, bem como da autorização prevista no artigo 1º parágrafos 4º e 5º do estatuto do Cruzeiro Esporte Clube, no uso de suas articulações, com base no artigo 21, inciso II, "a", do mesmo Estatuto, convoca os senhores conselheiros, integrantes do quadro de beneméritos, natos e conselheiros efetivos para reunião extraordinária que será realizada no dia 2 de agosto de 2021, segunda-feira, de 18h30 às 20h30, no Parque Esportivo do Barro Preto, à rua Guajajaras, 1722 - Barro Preto - nesta capital", diz parte do texto que circulou em grandes jornais de Mina Gerais.

Na noite de hoje (14) em suas redes sociais o Cruzeiro comemorou a aprovação do projeto na Câmara dos Deputados. O clube chegou a citar que os deputados marcaram "outro golaço", assim como já havia sido feito no Senado Federal há algumas semanas. O senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG) recebeu congratulações, já que o projeto da Lei do Clube-empresa era de autoria dele.

Quem também se manifestou sobre a aprovação do projeto foi o presidente Sérgio Santos Rodrigues.

"A aprovação do projeto de lei da SAF, ainda mais na velocidade que foi, é uma vitória muito importante que mostra a união dos clubes. Todo mundo trabalhando em prol disso, que é uma tendência. Dos grandes países, só o Brasil não tem uma legislação específica sobre o tema. E a nossa foi muito bem feita, com autoria do senador Rodrigo Pacheco, sendo relatada na Câmara e no Senado por duas pessoas que entendem muito do futebol", disse em nota enviada à imprensa na noite de hoje.

O Cruzeiro tem dívidas que se aproximam de R$ 1 bilhão e passa pela maior crise de sua história. Empresários abonados já procuraram o clube na intenção de ajudar. Inclusive, um desses disse que tinha um projeto para captar R$ 500 milhões em investimentos.

"É claro que não precisa ser sociedade anônima para ser bem gerido. Isso é uma obrigação e alguns clubes mostram que atingiram essa excelência sem isso. Mas quando se vira sociedade anônima isso vira uma obrigação.Hoje, a melhor parte para nós, além da governança de outros aspectos importantes para a gestão, é a captação de recursos que a lei possibilita. Com a proibição de participação em atletas, que era o meio mais utilizado pelos clubes brasileiros para captação de recursos, a gente tem a aprovação da SAF, o que permite atuação segura do investidor", complementou Rodrigues.

"Acredito que é um grande passo para modernização do futebol brasileiro, para que ajude os clubes que passam por situação difícil", finalizou assim sua nota oficial o presidente azul.

Leia o edital de convocação do Conselho cruzeirense

O presidente do Conselho Deliberativo do Cruzeiro Esporte Clube, diante de autonomia concedida pela Constituição Federal às entidades desportivas e associações para organização e funcionamento, bem como da autorização prevista no artigo 1º parágrafos 4º e 5º do estatuto do Cruzeiro Esporte Clube, no uso de suas articulações, com base no artigo 21, inciso II, "a", do mesmo Estatuto, convoca os senhores conselheiros, integrantes do quadro de beneméritos, natos e conselheiros efetivos para reunião extraordinária que será realizada no dia 2 de agosto de 2021, segunda-feira, de 18h30 às 20h30, no Parque Esportivo do Barro Preto, à rua Guajajaras, 1722 - Barro Preto - nesta capital.

A realização da assembleia tem como pauta a aprovação por esse Conselho Deliberativo, da Constituição, a partir da sanção da Lei relativa ao Projeto de número 5516/2019, da Sociedade Anônima de Futebol Cruzeiro, que terá o Cruzeiro Esporte Clube como detentor de 100% do capital social, integralizado mediante a transferência de seus ativos, tais como, nome, marca, símbolos, direitos desportivos e de propriedade intelectual, excluindo o patrimônio constituído pelos imóveis do clube, sendo permitida, entretanto, a alienação de até 49% do capital social a eventuais investidores, fundamentada em avaliação de mercado realizada por empresa multinacional especialmente contratada para esse fim, nos termos da legislação de regência, do estatuindo futura S.A.F e respeitados os ditames do artigo primeiro, parágrafo quinto do estatuto do Cruzeiro Esporte Clube

Belo Horizonte, 10 de julho de 2021

Cruzeiro