PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Uefa investiga Inglaterra por uso de laser na semifinal da Eurocopa

Schmeichel pode ter sido atrapalhado por laser durante cobrança de pênalti - Reprodução/SporTV
Schmeichel pode ter sido atrapalhado por laser durante cobrança de pênalti Imagem: Reprodução/SporTV

Do UOL, em São Paulo

08/07/2021 11h11

Classificação e Jogos

A Uefa abriu processo contra a federação inglesa de futebol por uso de laser na arquibancada no jogo de ontem (07), entre Inglaterra e Dinamarca. Durante a cobrança do polêmico pênalti por Harry Kane, um laser foi apontado pela torcida inglesa nos olhos do goleiro dinamarquês Kasper Schmeichel.

A entidade europeia ainda questiona os distúrbios por parte da torcida inglesa durante o hino nacional da Dinamarca e o uso de fogos de artifício na arquibancada. Os casos estão sendo tratados pelo Comitê de Ética da Uefa e podem resultar em multas para a federação inglesa.

A vitória na semifinal da Eurocopa que levou a seleção da Inglaterra à uma final inédita ainda causou problemas fora do estádio de Wembley. Segundo nota da polícia metropolitana de Londres, 20 torcedores foram presos nos arredores do estádio por denúncias de agressão, perturbação da ordem pública e agressão à polícia.

A final da Eurocopa 2020 acontece no próximo domingo (11), às 16h. O jogo entre Inglaterra e Itália já é considerado histórico, podendo trazer alívio para ambas seleções. Esse pode ser o segundo título da história da Inglaterra, enquanto do lado italiano, pode significar a recuperação da seleção que vinha sofrendo nos últimos anos.

Futebol