PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Messi comanda Argentina e supera números de Neymar na Copa América

Lionel Messi comemora gol contra a Bolívia em vitória da Argentina pela Copa América - Buda Mendes/Getty Images
Lionel Messi comemora gol contra a Bolívia em vitória da Argentina pela Copa América Imagem: Buda Mendes/Getty Images

Eder Traskini

Do UOL, em Goiânia

04/07/2021 04h00

Classificação e Jogos

A vitória por 3 a 0 da Argentina sobre o Equador colocou Lionel Messi como maior candidato a craque da Copa América 2021. O camisa 10 da Argentina participou dos três gols de sua seleção e se isolou como artilheiro e líder de assistências do torneio, quesito que dividia o topo com Neymar antes do jogo de ontem (3)

Messi serviu De Paul e Lautaro Martínez diante do Equador e chegou a quatro assistências na competição de seleções, deixando Neymar e o peruano André Carillo, ambos com duas, para trás.

Na artilharia, o gol de falta marcado nos minutos finais fez o camisa 10 argentina se isolar novamente na liderança após ver o peruano Lapadula alcançá-lo com três gols.

O técnico Lionel Scaloni, da Argentina, não tem dúvidas quanto a Messi ser o melhor jogador desta Copa América. Para ele, só Neymar pode ter chegado perto do desempenho do argentino no torneio.

"Estamos falando do melhor jogador de todos os tempos, é difícil que outro esteja ao nível. Pode ser que Neymar em algum momento tenha sido um jogador similar, mas o que está fazendo Messi é para recordar", disse em entrevista coletiva após a vitória de ontem (3).

Liderada por Lionel Messi, a Argentina enfrenta a Colômbia nas semifinais da Copa América nesta terça-feira (6), às 22h, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. Na outra semifinal, Brasil e Peru se enfrentam.

Esporte