PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mourinho critica profissionalismo de Eden Hazard: 'péssimo treinamento'

Eden Hazard e José Mourinho juntos pelo Chelsea, em 2015 - Michael Regan/Getty Images
Eden Hazard e José Mourinho juntos pelo Chelsea, em 2015 Imagem: Michael Regan/Getty Images

Colaboração para o UOL

18/06/2021 11h18

José Mourinho criticou o profissionalismo de Eden Hazard após rotular o atleta do Real Madrid como 'um jogador incrível com um treinamento terrível'.

O atacante de 30 anos sofreu oito lesões na última temporada e já perdeu mais de 50 jogos pelo Real desde sua transferência do Chelsea em 2019, por uma taxa inicial de 88 milhões de euros (R$ 524 milhões, na cotação atual)

Hazard, que começou apenas dois jogos desde janeiro, enfrentou várias críticas dos torcedores madridistas por não ter conseguido se manter em forma e, supostamente, ter ficado acima do peso em ambas as pré-temporadas no Bernabéu.

Mourinho passou mais de dois anos com Hazard no Chelsea, antes que a segunda passagem do técnico português em Stamford Bridge fosse encerrada, quando ele foi demitido em dezembro de 2015. O ex-companheiro de equipe do belga, John Obi-Mikel, relatou ao The Athletic, em março, que o meia-atacante 'não gostou de treinar duro' quando estava na Premier League.

Em entrevista à talkSPORT, Mourinho concordou com as declarações do jogador nigeriano. Além disso, insistiu que Hazard 'não trabalha muito' nos treinos e afirmou que seria um jogador muito melhor se mostrasse mais profissionalismo.

'A verdade sobre Eden Hazard? A verdade é o que você vê dele, ele é um jogador incrível com um treinamento péssimo', disse o treinador da Roma. 'Só dá para imaginar o que ele poderia ser com uma atitude super profissional nos treinos. No final das contas, ele é um garoto incrível, ele é um homem de família incrível, parece que não pertence a esta geração de jogadores, ele é muito quieto e está totalmente focado na família, nos filhos, nos pais', continuou.

'Mas ele entra em campo todas as manhãs e não trabalha muito. Quando ele entra em campo, você não vê o reflexo de uma semana de trabalho, apenas o reflexo de seu talento.

Ele é um jogador incrível e você pode imaginar se ele fosse um profissional de ponta. Quando ele foi para o Real Madrid, eu pensei, nossa, esse cara está indo para o maior clube do mundo e vai sentir uma pressão enorme para estar sempre no topo, esse cara vai ganhar a Bola de Ouro, porque ele está incrível...

Mas em termos de preparação física, velocidade, condição física, ele seria um jogador muito melhor (se treinasse corretamente). O que você vê é apenas o talento que levou o Eden onde ele está', finalizou Mourinho.

Futebol