PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Técnico do Uruguai vê influência da pandemia nos jogos da Copa América

Óscar Tabárez, técnico do Uruguai, vê influência da pandemia na Copa América - Gabriel Carneiro/UOL
Óscar Tabárez, técnico do Uruguai, vê influência da pandemia na Copa América Imagem: Gabriel Carneiro/UOL

Marinho Saldanha

Do UOL, em Brasília (DF)

17/06/2021 15h03

Classificação e Jogos

O técnico do Uruguai, Óscar Tabárez, disse que vê influência da pandemia nos jogos da Copa América. Não apenas pela ausência da torcida ou os protocolos que são cumpridos nos estádios, mas pela incerteza sobre testes que ocorrem durante a competição.

"Sim, isso vai influenciar o rendimento. Se jogadores são infectados, o potencial dos times estará alterado. Não sabemos se isso ocorrerá no começo ou no fim da competição. E não sabemos como será a realidade", afirmou Tabárez em entrevista coletiva.

A Copa América, até agora, é marcada por casos de covid-19 em várias seleções. Só a Venezuela perdeu 10 jogadores infectados. O Peru não conta com seu preparador físico. Colombia e Bolívia também tiveram atletas que testaram positivo para o novo coronavírus.

Além disso, profissionais de entorno também sofrem com a transmissão do vírus. Segundo informação oficial do Ministério da Saúde são 53 casos confirmados, sendo 27 entre pessoas de delegações, e 26 prestadores de serviço em Brasília, Rio de Janeiro e Goiânia.

Segundo boletim divulgado pela Conmebol são 65 casos positivos, sendo 46 membros de estafe e arbitragem, e 19 entre membros de delegação.

"É um torneio diferente, temos que desfrutar como uma festa. Estar aqui tem que ser um agradecimento ao futebol, à vida, por estar aqui. Os jogadores, a comissão técnica. Uns que estão há muito tempo, outros que chegam agora. O caminho da seleção irá seguir e não conheço nenhum time que perca sempre ou ganhe sempre", avaliou Tabárez.

O Uruguai estreia na competição amanhã (18), às 21h (de Brasília), contra Argentina, no estádio Mané Garrincha.

Esporte