PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Copa América: Queiroga garante realização com protocolo seguro da Conmebol

Ministro Saúde, Marcelo Queiroga, na CPI da Covid - Jefferson Rudy/Agência Senado
Ministro Saúde, Marcelo Queiroga, na CPI da Covid Imagem: Jefferson Rudy/Agência Senado

Colaboração para o UOL, em São Paulo

10/06/2021 19h30

Classificação e Jogos

O ministro da saúde Marcelo Queiroga comentou a realização da Copa América no Brasil após a aprovação por parte do STF. Em entrevista coletiva na saída do ministério, o médico cardiologista afirmou que o evento acontecerá sob um protocolo seguro por parte da organizadora Conmebol.

"O evento é um evento privado, o protocolo da Conmebol nós fizemos uma análise, é um protocolo seguro, e o ministério vai, juntamente com os estados e municípios que sediaram o evento, acompanhar para que tenhamos uma segurança sanitária e que o evento possa ser muito bem sucedido", disse ele.

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria e decidiu manter a Copa América no Brasil. A corte julga hoje (10) três ações que tinham com objetivo suspender o torneio e os votos podem ser adicionados no sistema da sessão virtual extraordinária até as 23h59.

Em um dos processos, movido pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), já há sete votos registrados. Nenhum dos ministros se posicionou contra a realização do torneio. O entendimento é que essa é uma prerrogativa dos estados e municípios que sediarão as partidas.

Depois das desistências de Colômbia e Argentina, a Copa América teve a sede alterada para o Brasil no dia 31 de maio, menos de duas semanas antes do jogo de abertura. Atualmente, o novo país sede da competição registra 480 mil mortes por conta da covid-19.

Esporte