PUBLICIDADE
Topo

Copa do Brasil - 2021

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Colunistas: Qual time teve a eliminação mais vergonhosa na Copa do Brasil?

Jogadores do CRB explodem de emoção após eliminarem o Palmeiras - ALEX SILVA/ESTADÃO CONTEÚDO
Jogadores do CRB explodem de emoção após eliminarem o Palmeiras Imagem: ALEX SILVA/ESTADÃO CONTEÚDO

Colaboração para o UOL, em Santos (SP)

10/06/2021 11h57

Resumo da notícia

  • Colunistas do UOL elegem qual time deu o maior vexame na Copa do Brasil
  • Mauro Cezar: "Obviamente o Palmeiras. Resta saber se o presidente considera"
  • Milly: "Acho que, pelo contexto dos jogos, a mais vergonhosa foi a do Cruzeiro"
  • Milton: "Tia Leila deveria contratar o Evair para ensinar o elenco a bater pênalti"
  • Perrone: "Numa escala de zero a 10, o vexame do Palmeiras atingiu 9 pontos"
Classificação e Jogos

A rodada da noite de ontem (9) da Copa do Brasil marcou a eliminação de três times que eram apontados como favoritos nos confrontos: o Palmeiras foi surpreendido pelo CRB e eliminado nos pênaltis, assim como o Cruzeiro, que caiu para o Juazeirense. Já o Corinthians não conseguiu reverter a vantagem do Atlético-GO e também deu adeus ao torneio ainda na terceira fase.

Das três eliminações, qual delas foi a mais vergonhosa? Pedimos a opinião dos colunistas do UOL Esporte, que chegaram a uma quase unanimidade. Confira as respostas:

Palmeiras. Atual campeão, abismo de investimento em relação ao adversário. Perder o jogo em casa nos 90 minutos e depois mais uma decisão por pênaltis. Vexame histórico.
ANDRÉ ROCHA

O Corinthians tem o momento mais vergonhoso, a ponto de ninguém se assustar com a queda. Mas a eliminação mais vergonhosa foi a do Palmeiras.
DANILO LAVIERI

Obviamente o Palmeiras. Resta saber se o presidente do clube considera um vexame. Será?
MAURO CEZAR

O Palmeiras, sem dúvida. Um vexame duplo. Perdeu em casa para o CRB e, em seguida, perdeu nos pênaltis. Com três erros seguidos na série de cinco. Não se pode comparar com o Cruzeiro, que hoje, apesar de sua linda história, é apenas um time de Série B.
MENON

Acho que, pelo contexto dos jogos, a mais vergonhosa foi a do Cruzeiro. Palmeiras não jogou mal. Fez tudo o que pôde fazer, mas o CRB estava em dia de glória a começar pelo Diogo Silva, que talvez tenha jogado ontem a partida mais memorável da vida dele. O Corinthians fez um jogo razoável, o que já é uma sensível melhora diante do que estávamos vendo em campo. E, embora o Atlético-GO não tenha jogado nada bem ontem, vem sendo um time sólido. Já o Cruzeiro, até pelo conjunto da recente obra, protagonizou um vexame contra o Juazeiro. Estava ganhando até o final, cedeu o empate e perdeu nos pênaltis. Triste fase essa que vive o Cruzeiro.
MILLY LACOMBE

O Palmeiras, evidentemente. Aliás, uma boa ideia: a Tia Leila deveria contratar o Evair para ensinar o elenco alviverde a bater pênalti. Com 10% do salário de muito jogador de lá ele desentorta o pé da turma e esse trauma acaba. E dou o troféu de herói do jogo para o goleiro Diogo Silva, que além de ter realizado sua função com maestria, ainda bateu sua penalidade melhor do que qualquer jogador de linha da disputa.
MILTON NEVES

Numa escala de zero a 10, o vexame do Palmeiras atingiu 9 pontos. O do Cruzeiro chegou a 8. Como a diferença entre os elencos é inferior, o vexame corintiano diante do Atlético-GO fica em 6 pontos.
PERRONE

Sem dúvida, o Palmeiras. Atual campeão do torneio, vencera o primeiro jogo, bastava o empate diante de um adversário infinitamente mais forte, da Série B, perdeu nos 90 minutos e nos pênaltis. Aliás, quando o Abel Ferreira vai se conscientizar que precisa treinar MUITO cobranças de pênaltis? Já são quatro derrotas assim sob sua direção!
RENATO MAURÍCIO PRADO

O Palmeiras, sem dúvidas. O time é o atual campeão da Libertadores e da própria Copa do Brasil, tem um dos elencos mais valiosos do continente e não pode cair antes das oitavas de final para um time da segunda divisão. O Corinthians caiu para um time da Série A e hoje nem tem um elenco muito melhor que o Atlético-GO.
RODOLFO RODRIGUES

O Palmeiras. É muito mais qualificado que o CRB, que ainda está se ajustando em um elenco que vem sendo montado e tem treinador novo. Perder dentro de casa foi inadmissível, sobretudo da forma como aconteceu. O Cruzeiro também merece menção, mas vive problemas que o Palmeiras não tem.
RODRIGO COUTINHO

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL