PUBLICIDADE
Topo

Grêmio

Grêmio: Atacante lembra morte da avó e homenageia pai que sofre com covid

Lance durante partida entre Grêmio e Santa Cruz, válido pela Recopa Gaúcha, realizado na cidade d Porto Alegre, RS, neste domingo, 06 - EVERTON SILVEIRA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Lance durante partida entre Grêmio e Santa Cruz, válido pela Recopa Gaúcha, realizado na cidade d Porto Alegre, RS, neste domingo, 06 Imagem: EVERTON SILVEIRA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, em Porto Alegre

06/06/2021 12h44

Autor de um dos gols do Grêmio na vitória por 3 a 0 sobre o Santa Cruz-RS na conquista do título da Recopa Gaúcha, o meia-atacante Guilherme Azevedo fez duas homenagens. Numa camisa, para a avó, que morreu há um mês. Nas palavras, ao pai, que sofre com covid-19.

"Estou muito feliz pelo título, entra para história do Grêmio, feliz pelo gol. Queria dedicar ao meu pai (Natalino) que está com covid. Confio muito em Deus, vai dar tudo certo", disse Guilherme na saída de campo.

Quando marcou, o jogador ergueu a camisa do Grêmio e mostrou a que usava por baixo, com rosto da avó, Derci. Emocionado, ele também lembrou dela após o jogo.

"Perdi minha avó faz um mês. Lá de cima ela está feliz pelo gol. Estou muito emocionado. Ela cuidou de mim desde pequeno. Fico feliz de fazer esta homenagem", completou.

Na hora de erguer a taça, os jogadores do Grêmio deram a braçadeira de capitão para Guilherme Azevedo, que comemorou junto com Geromel, que ficou no banco, o massagista Zezinho, e os demais colegas.

Grêmio