PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Comentarista de futebol de afiliada da Globo morre em acidente de carro

José Roberto Faker, conhecido como Bita - Reprodução/Facebook
José Roberto Faker, conhecido como Bita Imagem: Reprodução/Facebook

Naian Lopes

Colaboração para o UOL, em Pereira Barreto (SP)

06/06/2021 09h44Atualizada em 10/06/2021 09h01

José Roberto Faker, o popular Bita, morreu hoje, aos 38 anos, em um acidente automobilístico em uma rodovia a 120 km de Corumbá (MS).

Bita, que era fisioterapeuta e comentarista de futebol em Mato Grosso do Sul, estava voltando de uma pescaria com um amigo em uma Toyota Hilux, quando o carro colidiu com um Jeep Renegade que vinha na direção contrária. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Além dele, um menino de oito anos, filho do motorista, também morreu.

Janssen Moussa, o condutor da Hilux, foi levado às pressas para um hospital em Corumbá, onde passou por uma cirurgia e está estável. Ele é filho do médico Issam Moussa, que foi presidente de uma maternidade em Campo Grande e também da Junta Administrativa da Santa Casa.

De acordo com informações da Polícia Militar, o acidente aconteceu por volta das 7h30 de hoje, nas proximidades do Buraco das Piranhas. O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas, ao chegar ao local, o menino e Bita já estavam mortos.

O motorista do Jeep Renegade foi identificado como Gabriel Silva de Almeida, 24 anos. Ele também não resistiu aos ferimentos e morreu antes de receber atendimento.

Ex-jogador e comentarista

José Roberto Faker, o Bita, era fisioterapeuta esportivo e trabalhava como comentarista de futebol na TV. Há três anos fazia parte da equipe da TV Morena, afiliada da Rede Globo no Mato Grosso do Sul. Ele foi jogador de futsal e comentava partidas da modalidade em competições regionais.

A Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul), onde Bita trabalhou, soltou nota se solidarizando com a família e os amigos do comentarista.

UOL Esporte vê TV