PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Clássico-Rei: Fortaleza derrota o Ceará em segunda partida de Vojvoda

Jogadores do Fortaleza comemoram gol contra o Ceará - Leonardo Moreira / Fortaleza EC
Jogadores do Fortaleza comemoram gol contra o Ceará Imagem: Leonardo Moreira / Fortaleza EC

Bruno Fernandes e Josué Seixas

Colaboração para o UOL, em Maceió

15/05/2021 17h59

Classificação e Jogos

No segundo Clássico-Rei da temporada, o Fortaleza venceu o Ceará por 2 a 0, neste sábado (15), em partida válida pelo Campeonato Cearense. Os gols foram marcados por David, aos 37 minutos do primeiro tempo, e Matheus Jussa, aos nove do segundo tempo. Essa foi a segunda partida do técnico Juan Vojvoda no comando do Fortaleza.

Com o resultado construído na Arena Castelão, o Leão do Pici alcança a liderança e a classificação para as semifinais, enquanto o Vozão permanece em quarto. Os dois times ainda vão se enfrentar bastante na temporada, já que pelo menos quatro jogos estão garantidos: dois pela Copa do Brasil, em junho, e dois pelo Campeonato Brasileiro.

Jogo começa muito pegado
O primeiro lance da partida já foi uma chegada forte de Messias em Wellington Paulista. Aos quatro minutos, Mendonza arrancou no ataque e chutou com força, mas mandou para fora. Três minutos depois, Jordan deixou o braço em Robson e cometeu falta. Uma nova chance de gol só surgiu aos 13 minutos, quando o Fortaleza chegou no ataque com David, que cruzou para a área, e Matheus Vargas tentou um voleio, mas mandou para fora. O número de faltas dos dois lados continuou aumentando.

Fortaleza abre o placar
Aos 36 minutos, o atacante Matheus Vargas, do Fortaleza arriscou de fora da área e mandou uma bomba. O goleiro Richard fez boa defesa. No ataque seguinte, aos 37, o Leão do Pici continuou perigoso, e Wellington Paulista cruzou no lado direito do ataque. O passe foi certeiro para David, que contou com uma falha da defesa e mandou para a rede. Aos 43 minutos, Matheus Vargas tentou de novo, mas Richard defendeu.

Fortaleza amplia
Após cobrança de escanteio de Mendonza e tentativas do Ceará de jogar a bola dentro da grande área, o Fortaleza disparou em contra ataque. O time construiu uma boa jogada por meio de passes e a bola veio para Matheus Jussa, aos 9 minutos do segundo tempo, que chutou de canhota de fora da área. A bola desviou em Jordan e tirou todas as chances de Richard de fazer a defesa. A bola morreu dentro da rede. Essa foi a primeira chegada do Fortaleza no segundo tempo.

Ceará tenta diminuir
Apesar do resultado negativo, o Ceará não se acanhou em campo e tentou construir jogadas pelas laterais. Mendonza, aos 14 minutos do segundo tempo, até arriscou de fora da área, mas o goleiro Felipe Alves estava atento e rebateu. O Fortaleza também não se deixou tranquilizar com a vitória de momento e continuou no ataque. O Ceará, entretanto, construiu mais. Aos 19 minutos, Oliveira cruzou para Saulo Mineiro, que mandou a bola bem próxima ao gol de Felipe Alves. Aos 29 minutos, Gabriel Dias arriscou de fora da área e mandou perto da trave.

Aos 32 minutos, o time chegou mais uma vez ao ataque. Marlon tocou para Yony González, que chutou de direita e a bola desviou na zaga, passando bem ao lado da trave defendida por Felipe Alves. Aos 48 minutos, o Ceará mandou a bola dentro da grande área e ela sobrou para Gabriel Dias, que mandou uma bomba, mas a bola explodiu na trave.

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 0 X 2 FORTALEZA - CAMPEONATO CEARENSE

Estádio: Arena Castelão (CE)
Árbitro: Léo Simão (CE)
Assistentes: Nailton Oliveira (CE) e Renan Aguiar (CE)
Cartões amarelos: Marcelo Benevenuto (FOR), Guto Ferreira (CEA), Gustavo Blanco (FOR), Jordan (CEA), Robson (FOR).
Cartões vermelhos: Alexandre Faganello (CEA).
Gols: David (FOR), aos 37 minutos do primeiro tempo (0-1); Matheus Jussa (FOR), aos 9 minutos do segundo tempo (0-2).


Ceará: Richard, Gabriel Dias, Messias, Jordan, Bruno Pacheco, Charles (Oliveira), Fernando Sobral (Yony González), Marlon, Lima (Jorginho), Mendoza (Rick), Cléber (Saulo Mineiro). Técnico: Guto Ferreira.

Fortaleza: Felipe Alves, Tinga, Marcelo Benevenuto, Titi, Bruno Melo, Matheus Jussa (Ronald), Éderson, Matheus Vargas (Gustavo Blanco), Robson, Wellington Paulista (Osvaldo) e David (Yago Pikachu). Técnico: Juan Vojvoda.

Futebol