PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Melhor em campo num dia e convocado no outro, Arana vive semana mágica

Guilherme Arana comemora gol marcado pelo Atlético-MG em jogo do Brasileirão 2020 - Alessandra Torres/AGIF
Guilherme Arana comemora gol marcado pelo Atlético-MG em jogo do Brasileirão 2020 Imagem: Alessandra Torres/AGIF

Henrique André

Do UOL, em Belo Horizonte

14/05/2021 13h47

Contratado no início do ano passado pelo Atlético-MG, para assumir a posição do amigo e conselheiro Fábio Santos, hoje no Corinthians, o lateral esquerdo Guilherme Arana vive momento mágico na carreira. Um dia após receber o troféu de Best of The Match (melhor da partida) na Colômbia, onde o alvinegro derrotou o América de Cali, por 3 a 1, o jogador de 24 anos foi convocado por André Jardine para defender a seleção brasileira olímpica.

Titular absoluto desde que chegou ao Galo, Arana acumula 57 partidas pelo clube mineiro e, com o tento anotado na noite de ontem, em Barranquilla, já soma nove marcados com a camisa preta e branca. Peça fundamental no forte time atleticano, o camisa 13 terá grande chance para figurar na lista dos Jogos Olímpicos do Japão, que será divulgada até 30 de junho.

Os convocados por Jardine estarão à disposição da seleção na próxima Data Fifa, que vai de 31 de maio até 8 de junho. Com isso, Arana será desfalque do Atlético-MG no primeiro duelo contra o Remo, pela terceira fase da Copa do Brasil, e, possivelmente, contra o Sport-PE, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. O segundo confronto contra os paraenses (Copa do Brasil) será no dia 10; com isso, a presença do lateral também não é dada como certa.

Cabe lembrar que a CBF ainda não divulgou qual será a programação da seleção olímpica. Com isso, ainda não se sabe se haverá algum amistoso ou se serão apenas atividades na Granja Comary.

Em nome do filho

Além de disputar a primeira Libertadores com a camisa do Atlético e da chance recebida para carimbar o passaporte para a Terra do Sol Nascente, Arana e a esposa Gabriela Melchior se tornaram "pais de primeira viagem". Em 12 de abril veio ao mundo o primogênito Guilherme.

Números de Arana pela seleção brasileira (Sub-20):

8 jogos (3V, 4E, 1D)
8 vezes titular
2 gols
2 jogos sem tomar gol
54,1% de aproveitamento

Atlético-MG