PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

São Paulo perde pênalti, empata com Rentistas e adia classificação

Vitor Bueno e Facundo Parada dividem bola em Rentistas x São Paulo, pela Libertadores - Ernesto Ryan/Getty Images
Vitor Bueno e Facundo Parada dividem bola em Rentistas x São Paulo, pela Libertadores Imagem: Ernesto Ryan/Getty Images

Thiago Fernandes

Do UOL, em São Paulo

12/05/2021 20h53

Classificação e Jogos

O São Paulo foi ao Uruguai com um time composto por reservas e apenas empatou por 1 a 1 com o Rentistas (URU), em jogo válido pela quarta rodada do Grupo E da Libertadores 2021. Orejuela, estreante da noite, abriu o placar com gol de cabeça. Martín González igualou o marcador nove minutos mais tarde. Vitor Bueno ainda desperdiçou uma cobrança de pênalti no segundo tempo.

Com o resultado, o Tricolor ocupa a liderança do Grupo E, com oito pontos conquistados, mesmo número do Racing (ARG), que venceu o Sporting Cristal (PER) na noite passada. O Rentistas (URU) é o terceiro colocado, com três pontos.

Faltam apenas dois jogos para o fim da participação do São Paulo na fase de grupos — ambos no Morumbi, contra Racing e Sporting Cristal —, e o Tricolor só precisa de uma vitória para passar de fase sem depender dos resultados do Rentistas.

O São Paulo volta a campo na sexta-feira (14), às 21h30 (de Brasília), para enfrentar a Ferroviária, pelas quartas de final do Campeonato Paulista.

Quem foi bem: Nicolás Rossi

O goleiro Nicolás Rossi foi, sem dúvidas, o grande nome da partida que aconteceu no estádio Centenário, em Montevidéu (URU). O jogador fez boas defesas e evitou que o São Paulo balançasse as redes em algumas oportunidades. Ele defendeu um pênalti cobrado por Vitor Bueno no segundo tempo da partida, fez boa intervenção em finalização de Wellington e também brecou bom chute de Rodrigo Nestor.

Quem foi mal: Vitor Bueno e Sosa

Novamente escalado como centroavante titular — esta foi a quarta partida nesta condição —, Vitor Bueno não teve uma atuação convincente contra o Rentistas na noite de hoje. O jogador perdeu um pênalti aos 47 minutos e teve dificuldades para segurar a bola no setor ofensivo. A participação no duelo contra o Rentistas esteve longe de ser importante para os comandados de Hernán Crespo.

O zagueiro Joaquín Sosa cometeu erros crassos em campo. Ele fez um pênalti ao tocar com o braço esquerdo na bola em cruzamento de Joao Rojas e recuou uma bola na fogueira para Nicolás Rossi. Na ocasião, o goleiro teve que agarrar a bola com as mãos e acabou cometendo infração no lance.

Dúvida antes da partida, Rojas teve atuação sem brilho no Uruguai

Joao Rojas era tratado como dúvida antes da partida contra o Rentistas. O técnico Hernán Crespo se dividiu entre o equatoriano e o jovem Galeano. A comissão técnica preferiu o atleta mais experiente para o duelo. Ele, no entanto, não rendeu dentro das quatro linhas. Escalado como atacante ao lado de Vitor Bueno, teve dificuldades para criar jogadas e levar perigo ao gol adversário.

Atuação do Rentistas

O Rentistas teve mais domínio que o São Paulo nos 45 minutos iniciais. A equipe comandada por Martin Varini controlou o duelo e buscou chances de marcar, mas parou na forte marcação imposta pelos comandados de Crespo. A equipe aproveitou a principal fraqueza do adversário para marcar. Martín González estufou a rede após cobrança de escanteio pelo alto. Na volta do intervalo, o time pouco criou e se preocupou mais em deter as boas jogadas do São Paulo, que teve várias chances de marcar.

Atuação do São Paulo

O São Paulo teve dois tempos distintos em campo. Embora tenha feito o gol logo aos quatro minutos do primeiro tempo, a equipe encontrou dificuldades para ficar com a posse de bola e criar jogadas na etapa inicial. O time comandado por Hernán Crespo ficou aquém do esperado, em especial nos lances com meio-campistas e alas. Na volta do intervalo, o Tricolor paulista manteve a posse de bola e criou mais chances de marcar. Vitor Bueno perdeu um pênalti no início da etapa final. Wellington chutou em cima do goleiro em falta cobrada na grande área. O time comandado por Hernán Crespo só falhou nas finalizações nos 45 minutos finais.

Cronologia do jogo

O São Paulo abriu o placar logo aos quatro minutos. O estreante Orejuela aproveitou escanteio cobrado por Igor Gomes e cabeceou para o fundo da rede adversária. O Rentistas igualou o marcador aos 13 minutos. Martín González aproveitou falha da defesa do São Paulo em escanteio de Franco Pérez e empurrou para o fundo da rede de Lucas Perri.

Aos 46 minutos, já no início do segundo tempo, Rojas recebeu pelo lado direito do ataque e tentou cruzamento pelo alto. A bola desviou no braço de Sosa, e a arbitragem assinalou pênalti. Vitor Bueno cobrou a penalidade, e o goleiro Rossi fez boa defesa, sem dar rebote no lance.

Defesa do São Paulo demorou 283 minutos para sofrer gol

O São Paulo demorou 283 minutos para sofrer o primeiro gol na Copa Libertadores. A defesa passou em branco nos três primeiros jogos — as vitórias sobre Sporting Cristal (PER) e Rentistas (URU) e o empate com o Racing (ARG). O zagueiro Martín González foi o primeiro a deixar a sua marca contra o time comandado por Hernán Crespo. O time passou em branco nos três primeiros compromissos do torneio na temporada.

FICHA TÉCNICA:

RENTISTAS X SÃO PAULO
Motivo: 4ª rodada do Grupo E da Libertadores
Local: Estádio Centenário, em Montévideu (URU)
Data: 12 de maio de 2021 (quarta-feira)
Horário: às 19h (de Brasília)
Árbitro: José Argote (VEN)
Assistentes: Carlos López (VEN) e Miliciades Saldivar (PAR)
Quarto árbitro: Jose Mendez (PAR)

Cartão amarelo: Joaquín Sosa, Nicolás Rossi (Rentistas); Wellington, Diego Costa, Rodrigo (São Paulo)

Gols: Orejuela, aos 4 minutos (0-1); Martín González, aos 13 minutos (1-1)

Rentistas (URU): Nicolás Rossi; Andrés Rodales, Guillermo Fratta (Agustín Acosta), Martín González, Joaquín Sosa e Lucas Morales; Jonathan Urretavizcaya (Tabaré Viudez), Ramiro Cristóbal, Leandro Paiva (Mario García) e Franco Pérez (Maicol Ferreira); Salomón Rodríguez. Técnico: Martín Varini.

São Paulo: Lucas Perri; Diego Costa, Rodrigo e Bruno Alves; Orejuela (Hernanes), Rodrigo Nestor, Talles Costa (Shaylon), Igor Gomes e Wellington; Joao Rojas (Galeano) e Vitor Bueno (Paulinho Boia). Técnico: Hernán Crespo.

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição de áudio. Você pode ouvir UOL São Paulo, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Amazon Music e YouTube.

São Paulo