PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

Fred vê persistência do Flu na Libertadores: 'Sabendo jogar a competição'

Fred comemora com Kayky gol do Fluminense contra o Independiente Santa Fe pela Libertadores - Lucas Merçon/Fluminense FC
Fred comemora com Kayky gol do Fluminense contra o Independiente Santa Fe pela Libertadores Imagem: Lucas Merçon/Fluminense FC

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

12/05/2021 23h57

O Fluminense venceu o Independiente Santa Fe de virada no Maracanã e abriu dois pontos de vantagem na liderança do grupo D da Libertadores. Após o jogo, Fred, que marcou o gol de empate do Tricolor, exaltou a personalidade da equipe na competição.

"Estamos sabendo jogar a competição. Teve jogo em que fomos superiores tecnicamente, na estreia teve um nervosismo, mas conseguimos jogar bem, trocamos raça com os adversários. O jogo contra o Junior-COL foi especial. Estávamos cansados, mas foi um jogo igual. Hoje, demonstramos superação. A gente soube jogar, talvez foi o nosso pior jogo tecnicamente, mas foi uma partida de muita entrega, mas conseguimos virar o jogo, mostrando força e capacidade de superação", declarou o atacante.

A persistência do Flu na partida, após sair atrás no placar, também foi destacada pelo camisa 9. A virada sobre o Santa Fe, para o jogador, foi construída por conta da qualidade dos reservas.

"O que eu mais gostei foi a nossa persistência. Foi um jogo muito complicado. A maior satisfação foi a demonstração que o nosso grupo tem muita qualidade naqueles que entram. Jogadores decisivos, entraram para mudar o jogo, principalmente o Cazares e o Caio Paulista. Fiquei muito feliz. As alterações nos deram um gás novo e qualidade para decidir o jogo", opinou.

Com o gol da noite, Fred se tornou o terceiro maior artilheiro brasileiro na história da Libertadores. O centroavante destacou o coletivo em meio à maratona na competição.

"Me sinto feliz. Sensação que as coisas estão acontecendo da melhor forma possível. Estamos numa sequência muito dura, que tende a ficar pior, e estamos nos sentindo muito bem por causa do trabalho da comissão. Mesmo com a maratona, a gente está conseguindo ficar bem mentalmente, fisicamente e tecnicamente", disse.

Questionado desde a sólida campanha pelo Brasileirão, o Fluminense desde a primeira rodada está na liderança de um dos grupos mais fortes da Libertadores com oito pontos em 12 disputados. Já Fred não vê dúvidas sobre a capacidade da equipe.

"A dúvida sempre foi do lado de fora. Aqui dentro nunca existiu isso. Nunca houve medo, nunca tivemos desconfiança do que poderíamos fazer. O que aconteceu foi que as coisas começaram a dar liga. A gente evoluiu, encorpou o elenco, a nossa mentalidade é cada vez mais vencedora, e a gente está muito feliz porque torcida, comissão técnica e diretoria confiam na gente e nos dão respaldo para continuar trabalhando firme. Nosso dever é continuar deixando sangue em campo".

Fluminense